Crimes contra crianças podem ser evitados através de celulares na Espanha



  

A tecnologia desenvolvida para aplicativos de celulares está cada dia mais perto da realidade no intuito de combater crimes virtuais. Na Espanha, a pornografia infantil perde cada vez mais o espaço na internet. Quatro operadoras de telefonia já poderão denunciar crimes deste tipo pelo celular com total discrição e anonimato.

A partir da instalação de um simples botão nos sites das empresas, a ideia é que milhares de crianças possam ser salvas desse problema de enormes proporções em todo o mundo. As empresas Telefônica, Vodafone, Orange e Yoigo deixaram a concorrência de lado e se uniram para combater este crime cada vez mais comum na rede mundial de computadores.





Batizado de “Proteja a infância”, o programa visa acabar com a má utilização da internet, onde, segundo Guillermo Cânovas, presidente da ONG Protégeles, cerca de 10% das 3.000 denúncias que chegam mensalmente à sede da organização são de crimes realizados na web. Caso seja comprovada a denúncia, o caso será levado às autoridades locais

Por Vivian Fiorio



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *