iPhone brasileiro – Lançamento do novo modelo da Gradiente



  

Você já ouviu falar em iPhone brasileiro? Não? Surpreendeu-se?

Para quem não sabia, o Brasil também tem um iPhone desenvolvido, produzido e vendido por aqui, mas poucos conhecem. Quem traz o aparelho desde o ano passado é a Gradiente. A empresa lançou um no ano de 2012 e anunciou o lançamento de seu segundo aparelho com o nome iPhone C600 para 5 de dezembro.

O Gradiente iPhone é um pouco mais barato que os tradicionais da gigante Apple, tem boas especificações técnicas, como câmera de 13 megapixels, dois chips, tela de 5 polegadas e roda Android. Tudo isso sai em torno de R$ 1.149, bem mais em conta do que o tradicional da gigante mundial.

Mas parece que o fato do aparelho ter um preço agradável não chamou a atenção. O que chamou a verdadeira atenção dos consumidores foi como a Gradiente conseguiu comercializar um aparelho com o mesmo nome dos dispositivos móveis vendidos pela Apple. Pois bem, a marca entrou com um pedido de registro sob o título iPhone em 2000 para o Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) e a Apple fez o mesmo pedido, só que em 2007, quando lançou seu primeiro produto. Ainda não se sabe o por quê a Justiça do Rio de Janeiro tirou da Gradiente a exclusividade da marca. Mas, de acordo com o juiz, foi decidido que o iPhone da Apple é um nome mundialmente conhecido e que seria praticamente impossível mudar isso agora, uma vez que ao ouvir o nome o consumidor imediatamente o relaciona com a Apple.





A única dúvida é: por que o pedido da Apple não foi negado quando já existia o nome para a Gradiente? A única coisa que sabemos é que a Gradiente poderá utilizar o mesmo título, mas sempre com o nome da empresa na frente para diferenciá-lo. 

Por Jaime Pargan

Gradiente iPhone C600

Foto: Divulgação



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *