BlackBerry lançou o smartphone de tela quadrada Passport e o novo recurso Blend

A empresa BlackBerry lançou o Passport, celular inteligente de tela quadrada. Um design bem diferente, touchscreen em tela quadrada e o novo teclado QWERTY que é acionado por toque. Apesar do visual irreverente, possui um hardware potente, processador quad-core de 2,2 GHz, 3 GB de RAM, câmera com 13 megapixels e 32 GB internos. Este aparelho veio para concorrer com os celulares iPhone e Android, que são os líderes de venda. O lançamento do novo recurso Blend, que aconteceu em Toronto, no Canadá, foi discreto, mas parece estar agradando.  

Críticos e analistas estão divididos sobre a forma não convencional do aparelho, mas estão cheios de elogios ao Blend, que permite aos usuários uma excelente ponte de mensagem e conteúdo dentre uma série de dispositivos, que é independente dos sistemas operacionais.

Para o analista da RBC Capital Markets, Marc Sue, para eles o anúncio mais importante foi o BlackBerry Blend, apesar de o novo dispositivo Passport ter chamado mais atenção. O Blend aparece como um dos elementos chave na estratégia de se adaptar às necessidades das grandes empresas, já que os trabalhadores estão pressionando para usarem dispositivos de sua própria escolha.

Sob a liderança de John Chen, a BlackBerry , está mudando seu foco. Ele quer que a empresa entre na briga dos smartphones, mas também que ganhe força nas áreas de segurança de dados móveis e gerenciamento de dispositivos móveis. 

O sistema Blend permite que os usuários recebam notificações de mensagens, leia e responda e-mails, textos, enquanto ao mesmo tempo acessa arquivos, calendário, contatos e outras mídias, em qualquer dispositivo que utilize. 

O Blend trabalha com diversos sistemas operacionais incluindo os mais utilizados, o Mac OS da Apple, Windows, da Microsoft, e Android, do Google

Especialistas afirmam que o Blend é um produto único que pode permitir aos desenvolvedores incluírem as funcionalidades do Blend em seus aplicativos.



O Blend pode se tornar uma fonte de receita, já que a BlackBerry pode cobrar tarifas para acessos a dados corporativos. 

Segundo, Richard Tse, da Comark: "Isso pode criar considerável apelo entre usuários corporativos que usam diferentes plataformas em aparelhos múltiplos e querem acesso a e-mail, texto, agenda etc". 

Por Camilla Batista

BlackBerry Passport

BlackBerry Passport

Fotos: Divulgação





1 comentário em “BlackBerry lançou o smartphone de tela quadrada Passport e o novo recurso Blend

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *