Sony lança Walkman retrô que roda Android



  

Os leitores que viveram na época dos walkmans e eram apaixonados por esses aparelhos exclusivos para reproduzir música, podem se interessar por este player da Sony. Exibido na CES 2015, o Walkman NW-ZX2 é um gadget que busca resgatar a experiência dos antigos tocadores musicais portáteis.

A diferença é que ele dispõe daquilo que a tecnologia atual pode oferecer, rodando Android, mas sem perder o foco na música. Ou seja, não é um aparelho que você poderá usar para rodar outros aplicativos mais pesados.

O visual retrô reforça o objetivo de nos remeter aos antigos walkmans. O corpo é todo em alumínio e couro, e nas laterais possui botões físicos grandes, também de alumínio, para controlar a reprodução da sua playlist.

Embora pareça um desperdício adquirir um aparelho relativamente grande e pesado como este, as vantagens para os amantes da música ficam evidentes observando mais de perto.

Ao contrário de muitos dispositivos feitos para navegar na Internet e utilizar aplicativos dos mais diversos tipos, o Walkman da Sony vem preparado para armazenar muitas músicas. Sua memória interna é de 128 GB e pode ser expandida com cartões microSD de até 256 GB.

Além disso, temos suporte aos formatos de áudio que tem a capacidade de preservar toda a qualidade das músicas. Entre eles estão SD, WAV, FLAC, AIFF, ALAC, MP3 e WMA. Considerando o grande espado para armazenamento, podemos gravar músicas em alta qualidade.

E para aquelas músicas gravadas em arquivos de baixa qualidade ou streaming, o Walkman possui recursos de melhoria da qualidade do som.





Embora o aparelho esteja rodando o Android 4.2 (Jelly Bean), este sistema é mais do que o suficiente para cumprir seu propósito. Como foi dito antes, os uruários deste Walkman devem ter em mente que seu uso é focado na apreciação de músicas. Por isso, o acesso ao Google Play se justifica para a instalação de aplicativos como Spotify e Deezer.

Claro, para isto ele conta com conectividade Wi-Fi, Bluetooth e NFC.

O Walkman tem previsão de lançamento no mercado para segundo trimestre, nos Estados Unidos, no valor de US$ 1.100.

Por Daniel Cavalcante

Foto: divulgação



Compartilhar:

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *