Google e Microsoft empatam como empresas mais valiosas



  

Empresas estão empatadas no 2º lugar como as mais valiosas do mundo em 2015. Apple lidera o ranking, valendo US$ 760 bilhões.

Duas das empresas gigantes da internet, Google e Microsoft ocupam o segundo lugar como as duas companhias mais valiosas do mundo em 2015, segundo reportagem da “Forbes”. A Apple está na primeira colocação da lista. A empresa Google cresceu cerca de 3,56% nos primeiros meses de 2015 e atualmente vale cerca de US$ 385,59 bilhões. No mercado, a Microsoft obteve um crescimento maior (9,4%), sendo avaliada em US$ 389,24 bilhões.

Vale ressaltar que ambas as empresas não chegam sequer a ameaçar a liderança da Apple entre as companhias mais valiosas. Inclusive, a empresa fundada por Steve Jobs vale mais de US$ 760 bilhões. Os resultados, de maneira geral, mostram a completa hegemonia das empresas de tecnologia no contexto de hoje.

Essas empresas já são mais rentáveis que companhias do mercado de energia e petróleo. Segundo os especialistas e consultores do mercado financeiro e de tecnologia, as companhias tendem a crescer cada vez mais e dominar por muito tempo o cenário global.

Ações na Bolsa de Valores:

Atualmente é possível investir em ações da Apple ou Google na Bovespa, segundo reportagem da “Revista Exame”. Essa medida é válida desde 2010 e não obriga o investidor a fazer remessas para o exterior, nem mesmo abrir quaisquer contas em bancos fora do país. 





Na prática, ocorre um tipo de investimento chamado “Brazilian Depositary Receipt”, segundo informações da BM&FBovespa. Os certificados de depósito são relacionados a valores emitidos no Brasil, os quais representam valores emitidos por empresas abertas do exterior. Lembrando que a emissão deve ser feita por empresas autorizadas a funcionar pelo Banco Central e habilitadas pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) a emitir BDRs.

Dentre as vantagens do investimento estão a oportunidade de investir em grandes companhias estrangeiras, como Apple, Google ou Microsoft, por exemplo, sem a necessidade de pagar custos relacionados a remessas para o exterior e manutenção dos demais controles nas operações. Os certificados também são simples para serem negociados, de maneira geral.  Além das empresas citadas, o investidor pode optar por companhias como Intel, Pfizer, Coca-Cola, Hershey, Walmart, dentre outras opções.

Por Letícia Veloso

Microsoft e Google

Foto: Divulgação



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *