Nokia não retornará ao mercado de smartphones



  

Empresa confirmou que não pretende voltar ao mercado de smartphone e afirmou que as informações sobre o assunto eram apenas boatos.

A Nokia confirmou que não pretende voltar ao mercado de smartphones e que as notícias que estão circulando ultimamente pela internet são apenas boatos.

A hipótese de que a gigante Nokia iria voltar a brigar por um espaço no concorrido mercado de smartphones movimentou a internet nestes últimos dias, tanto por parte dos consumidores que se viram satisfeitos ao saberem que poderiam ter mais esta opção no mercado como também por parte das empresas do setor que teriam mais uma poderosa concorrente.

Mas, de acordo com a própria Nokia, tudo isso não passa de boatos. Os rumores davam conta de que a Nokia estaria com projetos para lançar um smartphone em 2016 e pelo que tudo indica, realmente eram boatos, pois a Nokia fez questão de divulgar um comunicado em seu site oficial, descartando toda e qualquer possibilidade de ter um smartphone sendo lançado no próximo ano.

Esta não é a primeira vez que rumores apontando a volta da Nokia ao mercado surgem, pois desde que a Microsoft adquiriu a empresa, muitas foram as vezes que estes rumores surgiram dizendo sobre a volta da finlandesa, mas como desta vez os rumores tomaram proporções gigantescas, a Nokia decidiu emitir um comunicado oficial desmentindo toda a história.





No comunicado oficial, a Nokia admite que está ciente de todos os rumores de que a empresa estaria lançando um smartphone em breve, mas desmente tudo, inclusive os comentários atribuídos a um dos executivos da Nokia Networks. E para reforçar o comunicado, termina dizendo que a companhia reitera de que não tem nenhum plano de vir a produzir ou vender dispositivos móveis.

O comunicado da companhia conseguiu colocar um ponto final nos rumores. A Nokia vendeu a divisão de aparelhos móveis para a Microsoft em 2013 por R$ 17 bilhões e os rumores apontavam que uma outra divisão da Nokia em parceria com outra empresa é quem produziria os smartphones, mas, agora, o assunto está definitivamente encerrado.

Por Russel

Nokia



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *