Participação do iPhone no Brasil registrou queda em 2015



  

Vendas de smartphones iPhone com iOS registraram queda no último trimestre de 2015 no Brasil.

A empresa de pesquisas Kantar Worldpanel divulgou alguns dados na última quarta (27) que demonstram um declínio de venda dos smartphones iPhone com o sistema operacional iOS no mercado brasileiro. No último trimestre de 2014 as vendas representavam 5,5%, contra 2,8% no último trimestre de 2015.

Por outro lado, a venda de dispositivos com Android subiu de 89% para 91,8%. Smartphones com Windows Phone, sistema operacional da Microsoft, tiveram alta nas vendas de 4% para 5,1% no mesmo período de comparação. A outra parte se divide em outros sistemas operacionais como BlackBerry, por exemplo. Apesar do desempenho no mercado nacional, o Windows Phone registrou forte queda de vendas pelo mundo e padece lentamente na concorrência do mercado de smartphones.

Os resultados obtidos no Brasil refletem o que já vem ocorrendo em outros mercados de outros países. Nos Estados Unidos também houve queda, o iOS foi de 47,7% para 39,1% no mesmo período citado pela pesquisa. No Japão, os índices também registraram queda: 60,2% para 54,1%.

Os resultados demonstram que o iOS ocupa apenas a sexta posição no ranking de sistema operacional mais utilizado no país. Entretanto, ressalta-se que existe apenas um aparelho com o sistema operacional iOS, o iPhone, enquanto que os outros sistemas operacionais estão presentes em vários modelos de smartphones.

O sistema operacional do Google (Android) reina soberano no topo do ranking de sistemas operacionais mais utilizados no Brasil, com 56,7% de todos os aparelhos utilizados.





O ranking, segundo a pesquisa, ficou da seguinte forma: Android com 56,7%, Symbian (31,5%), Windows Phone (4%), RIM (2,7%), Bada (0,7%), iOS (0,4%) e 3,9% para os demais sistemas.

Apesar da perca de espaço do sistema operacional, a Apple afirma que a marca em si ainda é líder de vendas em vários mercados, como Estados Unidos e China, principais referências.

A empresa afirma que o Android ganhou o gosto popular pela grande variação de preço disponível, o que não ocorre com os produtos da Apple e seu iPhone.

Por André César

iPhones

Foto: Divulgação



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *