Review Motorola Moto E5 2018



Confira aqui os prós e contras do Motorola Moto E5 2018.

Quem vê o Moto E5 até pensa que é um smartphone básico, para as tarefas rotineiras na internet, mas a configuração deste modelo atende até usuários mais exigentes. E como a Motorola vem investindo em boas baterias, desta vez não foi diferente e o E5 consegue ficar bem mais tempo longe da tomada elétrica. As vendas do modelo começaram no início de maio e já é um grande sucesso.

A bateria de 4.000 mAh de capacidade é surpreendente, ainda mais para um celular que é considerado básico, dificilmente o consumidor encontrará algum outro modelo com esta opção. Graças a esta capacidade de armazenamento, a Motorola conseguiu alinhar o consumo da tela, do processamento e o usuário terá mais tempo com seu aparelho.



O preço de R$ 899,00 é um pouco mais caro que seu antecessor, o Moto E4, só vale a pena pagar este valor para mais, justamente por causa da configuração. Para quem sai de casa e não gosta de ficar carregando carregador, este é um ótimo modelo. Para ter ideia do poder deste pequeno notável, se colocar um vídeo para rodar direto em conexão Wi-Fi, a bateria tem uma redução de 35% e isto é depois de 5 horas. Com 10 horas de vídeo sendo exibido sem parar, ainda terão 30% de carga em bateria. Se o aparelho for usado para redes sociais e algumas outras funções, pode ficar mais de 24 horas sem se preocupar com recarga da bateria.

A tela do Moto E5

Quem é exigente em relação à resolução das imagens, seja das fotos ou vídeos, poderá não se contentar com este modelo, mas por este preço já é de se esperar que fosse assim. Agora o Moto E5 tem tela de 5,7 polegadas e a resolução é HD+, de 1.440×720 pixels. Mas é possível assistir a vídeos tranquilamente, a imagem fica boa, mas claro que não se compara a um modelo top de linha.

Uma novidade é quanto à relação ao display que agora é de 18:9, para tentar ocupar quase toda a frente do smartphone, imitando uma borda infinita. O resultado ficou muito bom e o E5 está com um design mais moderno. O aparelho pesa 174 g e tem o corpo todo em alumínio, o que deixa o celular mais agradável de segurar.



As fotos do Moto E5

A câmera deste modelo da Motorola tem 13MP e as fotos são de média qualidade. As imagens não ficam horríveis, mas estão longe da qualidade obtida por um smartphone top. É importante que o consumidor saiba disto antes da compra, porque cada pessoa tem seu perfil. Para uns, isto não tem problema, pois gosta de tirar suas fotos, compartilhar nas redes sociais e pronto. Mas há quem faça questão de uma imagem com altíssima resolução e isto não irá conseguir com o E5.

Mas se tiver o cuidado de sempre tirar fotos ou gravar vídeos em ambiente com boa iluminação, o resultado ficará muito bem. Mesmo assim, não espere fidelidade nas cores, por exemplo, uma árvore não ficará tão verde, o azul do céu não estará tão bonito e assim por diante.

Outra questão que pode incomodar é o tempo de demora entre o processamento de uma imagem ou outra. Como este é um modelo que custa menos de mil reais, é preciso que o usuário entenda que estará adquirindo um smartphone com configuração básica, porém, muito avançado para o seu nível.

E esta câmera de 13MP é a principal, pois a frontal tem 5MP de resolução e a qualidade das imagens cai ainda mais. A selfie poderá ficar borrada, ainda mais se for em ambiente com pouca luminosidade.

Outro ponto negativo é o espaço para armazenamento, que é de apenas 16GB. Não dá para guardar quase nada, então o cartão de memória será praticamente indispensável.

Em alguns sites, o Moto E5 custa menos de R$ 800,00. É um bom investimento, desde que atenda as necessidades do usuário.

Por Russel

Compartilhar:


Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *