E todos os usuários de devices inteligentes gostam de testar novos aplicativos que podem ser bastante úteis em suas atividades diárias. Por isso, já é tradição o Google divulgar uma lista com os melhores aplicativos para tablets e smartphones equipados com o seu sistema operacional móvel, o Android.

Agora, no início do último mês do ano, a empresa divulgou uma nova lista com os melhores aplicativos do ano. O gigante das buscas selecionou nada menos do que 67 aplicativos em diversas categorias, como produtividade, informação, personalização, mapas, comunicação, edição de imagens, mídia, esportes, saúde, entre outros.

Como você poderá notar na lista, não há nenhum aplicativo da categoria "games" entre os escolhidos pelo Google. Isso não quer dizer que não há jogos interessantes, mas esta é apenas uma forma da empresa separar aplicações de games.

Há muitos aplicativos gratuitos, ou seja, você poderá testá-los sem precisam desembolsar nenhum centavo. Aplicativos tradicionais e bastante conhecidos, como TuneIn, TED, Shazam, Secret, Mailbox, Telegram, Google Fit e diversos outros conseguiram figurar entre os melhores do ano.  

A grande variedade de aplicativos presentes na Google Play Store deve ter dificultado a escolha da equipe do Google em relação aos melhores aplicativos.

Já a grandeza do sistema operacional da empresa, bem como a ampliação do ecossistema do mesmo, mostram que os dispositivos Android estão supridos com qualquer tipo de aplicação que o usuário possa desejar. Não é à toa que o sistema é líder disparado entre os sistemas operacionais móveis existentes no mercado atualmente. 

Nesta lista não foram disponibilizados apenas os programas lançados em 2014, mas também diversos programas que foram lançados em outros anos, que provavelmente sofreram alterações durante este ano.

Abaixo é possível ver a lista com os 20 aplicativos. Caso tenha interesse em ver os demais e fazer o download deles em seu aparelho, basta acessar este link.  

  • Wunderlist
  • TED
  • SwiftKey
  • Lumosity
  • Wish
  • Shazam
  • IFTTT
  • Over
  • Groupon
  • Locket
  • Timehop
  • Yahoo News Digest
  • EyeEm
  • Sunrise Calendar
  • Afterlight
  • BuzzFeed
  • Facetune
  • musiXmatch
  • Expedia
  • Todoist
  • djay 2
  • Link Bubble Browser
  • TuneIn Radio
  • The Economist Espresso
  • DramaFever
  • MAPS.ME
  • okCupid Dating
  • Uber
  • CNN Breaking
  • Onefootball

Por William Nascimento

Foto: divulgação


O Galaxy Note 3, lançado após a linha Nexus e Moto G, irá ficar ainda mais rápido, segundo a empresa Samsung. O novo sistema operacional Android 4.4 foi utilizado no dispositivo móvel. No teste, houve melhorias em seu desempenho, com mudanças na interface do sistema e rápida resposta ao comando dado pelo usuário.

A atualização estará disponível dentro de algumas semanas, e começará pela Polônia. A build N9005XXUENA6 será disponibilizada para a versão do aparelho que possui o processador Snapdragon. Ela poderá ser instalada diretamente pelo computador, apenas conectando o cabo USB e checando manualmente via Kies.

A Samsung implementou melhorias ao Android “KitKat”, como é chamada a versão 4.4. As novidades foram criadas baseando-se em sistemas de empresas concorrentes, como o Windows Phone 8 e o Ios7. Na tela de bloqueio foram incorporadas duas novidades: a exibição da capa do álbum no reprodutor de música e um atalho para a câmera. Os ícones da barra de notificação, que antes eram verdes, agora estão na cor branca.

Segundo uma fonte com conhecimentos internos da Samsung, o SamMobile, a versão do Android do NOTE 3 já possui essa mudanças. O que falta agora é a correção de bugs no sistema, como travamentos de alguns aplicativos. Não foi citado os resultados oficiais dos testes feitos pelo fabricante, apenas a página se baseou na melhoria após a atualização.

Mas pode demorar algum tempo para chegar aqui no Brasil, visto que isso depende das operadores de telefonia do país e da empresa fabricante. Não há previsão para o lançamento da atualização do sistema pela Samsung. Mas é provável que o Galaxy Note 3 receba o novo Android nas próximas semanas. Todo o processo de atualização dos dispositivos móveis poderá durar semanas, dependendo da região onde os consumidores estão localizados. No Brasil, os consumidores terão que aguardar mais um pouco.

Por Danilo Gonçalves

Foto: divulgação


Após o lançamento do Nexus 5 do gigante Google, uma lista de aplicativos do Android 4.4 KitKat começa a tomar extensão entre os usuários antenados.

O mais bacana é que a maioria desses aplicativos pode ser instalada em outras versões do sistema Android, geralmente a partir da versão 2.2. Seguem alguns exemplos: 

– Google Play Services – Este aplicativo é utilizado para atualizar vários serviços Google, como o Google Play. A última atualização deste aplicativo ocorreu no último dia 22 e trouxe novos efeitos visuais na API do Google Maps; 

Calendar – O Google Calendar é uma ferramenta bem simples e muito útil onde funciona como agenda online à sua  disposição  24 horas. Ele é realmente capaz de substituir uma agenda de papelaria;

 Clock – É um alarme com ótimo funcionamento e com diversas funções em uma  fácil programação. Ele ajuda nas facilidades do dia a dia. Básico, porém muito significativo quando bem utilizado;

 Keep – O Google Keep recebeu sua última atualização no dia 13 deste mês e também recebeu novidades como gaveta de navegação deslizante, anexo de fotos da Galeria e o deslize com visualização de todas as fotos da nota;

 Cymera – É um editor de foto considerado um dos melhores entre os usuários. Foi atualizado pela última vez no dia 21 de novembro trazendo melhorias na função de texto (com palavras chaves adicionadas) e correções de erros. Este aplicativo tem todas as ferramentas necessárias que ajudam a  criar ou editar as  fotos de forma simples e muito fantástica;

– Teclado do Google – Este aplicativo torna a digitação ainda mais rápida e inteligente. Ela permite inclusive que os usuários escolham a  opção por digitação com voz ou escrita com gestos com visualização flutuante e altamente dinâmica. A última atualização foi feita no dia 21 também deste mês.

No geral o Google atualiza todos os seus aplicativos quase que quinzenalmente, com exceção para alguns casos quando o procedimento é considerado desnecessário.  

Por Luciana Ávila 

Android KitKat

Foto: Divulgação


O Android é considerado um dos sistemas operacionais mais queridos do mundo. Isso devido ao fato de ser um dos mais completos sistemas e de sua fácil acessibilidade. Também é possível encontrar diversos tipos de aplicativos e jogos, para falar a verdade é o que possui mais recursos e o melhor, é de graça. Seu sistema de funcionalidades é leve inclusive ajuda na manutenção enviando do seu smartphone ou qualquer outro aparelho móvel compatível solicitações de atualizações ou como proceder para uma aplicação. 

Diversas empresas já aderiram ao Android e não abrem mão dele. Eles alegam que é a mais nova mania, sendo fácil e até divertido utilizá-lo. Seria um grande impacto para o usuário ter que trocar de sistema operacional.

O Google foi o seu mentor e junto de outras empresas multinacionais conseguiu desenvolver a primeira versão do Android em 2007. Na verdade desde 2005 a empresa tem trabalhado nesse sistema, porém só foi anunciado e lançado oficialmente dois anos depois que o Google comprou a empresa Open Handset Alliance, onde trabalhava com o sistema Linux.

Seu sistema é compatível com diversos formatos, por isso que muitos não abrem mão do Android pela facilidade de como se encontra os jogos, as músicas, os vídeos, aplicativos diversos e e-books preferidos, além de que a maioria deles é de graça.

Sua versão mais atualizada está em 4.4: KitKat. Ela foi lançada para ser objeto de mídia de mercado para o novo smartphone do Google, Nexus 5. Contudo, o sistema Android foi feito à princípio para aparelhos móveis tipo celulares e smartphones, porém, seu uso foi estendido para outras modalidades de tecnologia, como por exemplo os tablets, notebooks e netbooks. Ainda há versão do sistema para computadores tipo PC convencionais, tudo para que seja uma interação um simples acesso às redes sociais ou mesmo uma chamada local a cobrar.

Por Gleison Nunes Uchoa

Android Kitkat

Foto: Divulgação





CONTINUE NAVEGANDO: