Confira aqui as configurações e o preço do Microsoft Lumia 640XL Dual.

Com um sistema operacional Windows Phone 8.1 com Lumia Denim, o Smartphone 640XL Dual tem 171 gramas, possui uma espessura de 9 mm, conta com comprimento de 15,79 cm e largura de 8,15 cm. Com uma tela de 5,7" de resolução HD (1280×720 pixels), o aparelho também possui sistema de cores TrueColor, com 24 bits/16M. A tecnologia da tela é LCD IPS, ClearBlack e toque multiponto capacitiva, proporciona uma tela mais sensível ao toque.

O termo Lumia Denim nada mais é que um pacote de atualizações que a Microsoft tem para a linha de smartphone com essa tecnologia. Além das melhorias no aplicativo da câmera, esse pacote traz a possibilidade de cruzar dados e identificar locais.

Com um amplo ângulo de visão e sensor de orientação, o 640XL tem avanços em leitura a luz do sol, consome pouca energia e os recursos de tela são fáceis de limpar.

A memória RAM desse aparelho é de 1 GB e o cartão de memória MicroSD pode ter um tamanho máximo de 128 GB. O usuário ainda pode armazenar os dados na própria memória do aparelho, no cartão e até em nuvem (OneDrive).

Com uma bateria que pode ser substituída, com uma capacidade de 3000 mAh e tensão de 3,8 V, este aparelho fornece 24 horas de conversação em 3G e 30,3 horas em 2G, a especificação desse produto no site do fabricante menciona ainda que consegue 14,2 horas de navegação em rede wireless, 98 horas de música ou 10,7 horas de reprodução de vídeo.

Com dois chips Micro SIM, som estéreo e Bluetooth 4.0, este aparelho tem uma série de vantagens quanto à conexão, que permite até 8 (oito) aparelhos conectados no Wi-Fi.

A câmera principal tem 13.0 MP, permite uma distância mínima de foco de apenas 10 cm e tem um zoom digital de 4X. Sua lente é em Sistema óptico ZEISS, possui flash dinâmico e sensor retroiluminado de imagem. A câmera frontal é Full HD de 5 MP e tem os recursos de chamada e gravação de vídeo, com uma distância focal de 24 mm, sem falar que sua resolução é de 1920×1080 pixels.

Alguns sites de venda pela internet estão oferecendo este aparelho por R$ 799,00, onde o mesmo menciona que o preço original era de R$ 1.199,00. No site da fabricante foram encontradas todas as especificações técnicas mencionadas acima, mas o preço não é fornecido pela mesma.

Por: Fernando Dias


Promoção é válida até o dia 1º de maio e abrange apenas os consumidores dos Estados Unidos e Canadá.

A Microsoft iniciou nesta segunda-feira (25) uma grande promoção, onde moradores dos Estados Unidos e Canadá poderão adquirir o Microsoft Lumia 950XL e receberão de graça o Lumia 950. Confira abaixo mais detalhes sobre a promoção e especificação técnica de cada modelo.

Segundo o site oficial da Microsoft, a promoção terá início no dia 25 de abril e irá até o dia 1 de maio. Vale lembrar que apesar de citar os Estados Unidos como participante da promoção, até o momento apenas as lojas especializadas da Microsoft no Canadá estão preparadas para realizar a tarefa.

Apesar de a promoção ser válida até o dia 1º de maio, os interessados devem correr para garantir o seu modelo gratuito, já que a empresa não divulgou o número de dispositivos brindes disponíveis em estoque.

Acredita-se que a Microsoft foi motivada a realizar a promoção para alavancar as vendas dos modelos da linha Lumia na América do Norte. Já que como foi revelado ainda no início do mês de abril, o Windows Phone está perdendo espaço para outros sistemas operacionais, como o Android e o iOS. Tanto é que em alguns países dispositivos com o sistema operacional Windows Phone não são encontrados à venda.

O Microsoft Lumia 950 XL conta com tela de 5.7 polegadas e resolução de 2560×1440 pixels, ideal para assistir séries e filmes. Já o processador é um Cortex-A53 Quad Core 1.5 GHz, combinado ao Quad core 2.0 GHz A57. A placa gráfica fica por conta de uma Adreno 430, combinada a 3 GB de memória RAM.

A câmera traseira possui 20 Mp, enquanto a frontal conta com resolução de 5 Mp. O armazenamento interno é de 32 GB e pode ser expandido por meio de cartão microSD de até 200 GB.

Já o Lumia 950 possui 5.2 polegadas, processador Cortex A-53 Quad core 1.44 GHz, 3 GB de memória RAM, 32 GB de armazenamento interno (expansível para 200 GB). O modelo disponível na promoção é na cor preta.

O preço do Lumia 950 XL é de 849 dólares canadenses, já a versão tradicional do modelo sai por 749 dólares canadenses, que segundo a conversão atual é equivale a aproximadamente R$ 2.400, livre de impostos.

A promoção é válida também para turistas que se encontram na América do Norte. Vale lembrar, que os modelos Microsoft Lumia 950 e 950 XL ainda não estão presentes em território nacional.

Por Wendel George Peripato


Objetivo da empresa é melhorar a qualidade dos aplicativos para Windows Phone e facilitar a vida dos desenvolvedores que querem criar versões de seus aplicativos para o sistema da Microsoft.

Não é segredo para ninguém que a Microsoft sofre com o desleixo dos desenvolvedores com o Windows Phone, que acaba por não receber boa parte dos aplicativos, além de que, quando recebe, acaba por receber uma versão que não é completamente adaptada ao seu sistema. Para tentar dar fim a isso, a empresa anunciou que comprou a Xamarin, empresa que trabalha com o compartilhamento e criação de apps compatíveis diretamente com iOS, Android e Windows Phone.

Ao adquirir a empresa que está presente em mais de 120 países com 15.000 desenvolvedores, a empresa certamente dá um enorme passo rumo a finalmente ver as empresas se empenhando para trazer os apps para o Windows Phone. O Xamarin trabalhava compartilhando códigos que fossem iguais ou comuns a ambos os sistemas operacionais, facilitando a vida dos desenvolvedores que desejam lançar seus aplicativos para os 3 sistemas, entregando um produto completamente nativo e não simplesmente remendado ou mal feito.

A Microsoft já possuía para esses desenvolvedores o Visual Studio, que agora não se sabe se funcionará de maneira integrada com o Xamarin, mas é fato que com as duas ferramentas, deveremos ver cada vez mais apps vindo para o Windows Phone, ao menos é essa a expectativa por parte dos usuários hoje.

Além do serviço para poder trazer os aplicativos de forma nativa aos sistemas, a empresa ainda conta com outra ferramenta que pode ser extremamente útil, o Xamarin Test Cloud, que pode melhorar a qualidade de aplicativos já disponíveis, por meio da nuvem.

O que facilita a vida dos desenvolvedores em todo esse processo é o fato do Xamarin utilizar o .NET e a linguagem #C para criar APIs completamente nativas para os sistemas operacionais mobiles, seja ele o iOS, o Android ou o Windows Phone.

Os usuários da empresa particularmente estão esperançosos para contar com mais aplicativos disponibilizados para seu sistema, embora isso não seja certo, é realmente um fato que a tendência é que ocorra, já que com uma grande empresa no comando, os investimentos serão ainda maiores, garantindo que o antigo Xamarin possa oferecer qualidade e facilitar ainda mais os desenvolvedores.

Por Isis Genari


Modelo será lançado no início de fevereiro e custará US$ 240.

No meio a expectativa do lançamento definitivo do novíssimo Windows 10 Mobile, que vem sofrendo com os atrasos da Microsoft, um novo smartphone está chegando para completar a família Lumia. Trata-se do novo Lumia 650.

A Microsoft acabou por lançar praticamente todos seus novos smartphones até o final de 2015, pois a promessa era de que a empresa só voltaria a lançar smartphones quando seu Windows 10 Mobile estivesse completamente estável, mas o Lumia 650 foge um pouco da promessa.

Seguindo um design parecido com o de modelos antigos do iPhone, uma operadora alemã filial da Telefônica revelou a data de lançamento do aparelho e também seu preço.

Trata-se da operadora O2, que confirmou o lançamento do novo dispositivo para o início do próximo mês, fevereiro, por US$ 240, ou praticamente R$ 1.000 na alta cotação que se encontra o dólar atualmente. A operadora também anunciou o modelo de parcelamento nos planos da operadora. Entrada de 39 euros e parcelamento mensal de 7,5 euros por 24 meses.

A operadora não revelou detalhes do hardware do smartphone da Microsoft, mas de acordo com os rumores que surgiram desde o anúncio, o Lumia 650 deve chegar ao mercado contando com uma tela HD de 5 polegadas, 1GB de RAM, chipset Snapdragon 210, câmera principal de 8 Megapixels e frontal de 5 Megapixels, junto de 8GB de memória interna.

A promessa também é de que o smartphone conte com um modelo de carregamento rápido, NFC, HD Voice, Windows 10 Mobile. Além de um design metálico com acabamento fosco e branco.

Vale ressaltar que isso não quer dizer que o preço de varejo, seja exatamente esse, a tendência, é que o preço seja um pouco mais alto, graças aos descontos oferecidos pelas operadoras nas compras de smartphones com planos de telefonia/internet.

Para os brasileiros que estejam interessados em adquirir o novo smartphone, a novidade deve demorar para chegar em solos tupiniquins, visto que a Microsoft vem retardando o lançamento de seus dispositivos no Brasil, pela alta do dólar, assim como vem se adaptando rapidamente as mudanças de cotação e subindo o valor de seus produtos, como fez recentemente com o Xbox One.

Por Isis Genari

Lumia 650

Foto: Divulgação


Microsoft não prometeu nenhuma data de lançamento oficial para o sistema, mas ao que tudo indica é que ele seja lançado no final de fevereiro.

Após a notícia de que o Windows 10 Mobile estava começando a ser liberado para algumas pessoas de regiões específicas, depois de um longo período de espera e ansiedade por parte dos usuários, aparentemente voltamos a estaca 0. Isso porque a atualização para a nova versão Mobile do Windows foi adiada novamente, desta vez, para o final de fevereiro. Ao menos é o que diz a operadora Bouygues Telecom, da França, pelo Twitter.

Um usuário do Twitter com o nome de Joel Devaux, perguntou ao Twitter da operadora, se teríamos alguma novidade a respeito do lançamento do Windows 10 Mobile, porém, a reposta que o usuário recebeu, é de que não deve esperar grandes novidades até o final do mês de fevereiro.

Entretanto, vale lembrar que a Microsoft não prometeu nenhuma data de lançamento oficial para o sistema, o que ocorre, é que diversos rumores foram divulgados nos últimos meses na Internet sobre possíveis datas de lançamento do smartphone, o que fomentou a ansiedade dos usuários.

Por enquanto, a nova versão do Windows Mobile continua apenas disponível para alguns países e modelos específicos, provavelmente ainda para alguns testes, antes do lançamento da versão definitiva e estável do sistema.

De qualquer maneira, com uma demora cada vez maior no lançamento, assim como uma ansiedade cada vez maior dos usuários, a expectativa de se ter um sistema que se aproxime mais em estabilidade do Android e até superar em pontos como velocidade, onde o Windows já leva certa vantagem, também aumenta. Embora existam usuários dos smartphones da norte-americana que estejam preocupados com o atraso, já que a empresa poderia estar encontrando dificuldades para estabilizar o SO.

Vale ressaltar que também foi divulgado recentemente que a Microsoft já trabalha na versão Redstone do SO, que deve vir com 64 bits, o que deve aumentar muito questões como estabilidade e velocidade do sistema. Android e iOS, já possuem tal opção há algum tempo, no caso do Android, desde 2014.

Por Isis Genari

Windows 10 Mobile

Foto: Divulgação


Rumores indicam que o Lumia 630 não receberá a atualização para o Windows 10 Mobile. A probabilidade é que o smartphone não tenha apresentado resultados satisfatórios nos testes, cancelando o lançamento da atualização para o aparelho.

Ao que parece, mesmo com o início das atualizações para o Windows 10 Mobile, ainda há dúvidas sobre quais smartphones realmente irão receber a atualização para a nova versão do SO da Microsoft, e essa questão voltou à tona.

A Vodafone, operadora de celular do Reino Unido, anunciou na manhã do dia 14 de janeiro, que o Lumia 630, que foi lançado há cerca de quase 2 anos, não irá receber a atualização para o Windows 10 Mobile.

Porém, a operadora não deu qualquer detalhe sobre os motivos que levaram a não atualização do Lumia 630 para a nova versão Mobile do Windows. Causando, novamente, confusão e dúvidas sobre o real motivo do aparelho não entrar na lista se smartphones aptos para a atualização, tão comentada nos últimos meses.

Ainda há outra dúvida: se a limitação vale apenas para o Lumia 630 lançado pela operadora britânica, ou se seria uma limitação da própria Microsoft, fazendo com que nenhum 630 do mundo receba a mais nova  atualização.

Se a situação já está confusa, fica ainda mais se nos recordarmos que em novembro de 2015, a mesma Vodafone fez testes com o Lumia 630 para receber a atualização do Windows Phone 10 Mobile.

A probabilidade é que o smartphone não tenha apresentado resultados satisfatórios nos testes, cancelando o lançamento da atualização para o aparelho. Entretanto, ainda há possibilidade do smartphone receber a atualização, já que após o update completamente estável para o novo Windows Phone, a operadora possa voltar a fazer testes no smartphone para lançá-lo futuramente para o aparelho.

O que leva a crer que a limitação será apenas para smartphones da Vodafone, é que usuários que participam do Programa Insider da Microsoft, conseguem atualizar sem maiores problemas seu Lumia 630 para o Windows Phone 10 Mobile. Aumentando a possibilidade do 630 da operadora ficar bloqueado para a atualização.

Por Isis Genari

Lumia 630

Foto: Divulgação


Empresa poderá apresentar os aparelhos no dia 20 de novembro.

Os fãs da Microsoft esperam ansiosos os novos modelos de celular da empresa. Há um mês a Microsoft anunciou seus dois novos modelos de smartphones: Lumia 950 e 950 XL. A empresa garantiu que os dois novos modelos estariam disponíveis nas lojas dos Estados Unidos no mês de novembro e ansiedade só aumenta, pois já estamos caminhando para o meio do mês e nada do lançamento dos smartphones.

Mas, para acalmar os ânimos dos amantes de tecnologia, a Windows Central disse que uma data foi definida para o lançamento dos aparelhos, mas essa data ainda falta ser confirmada. Segundo informações, a empresa AT&T será a única operadora a vender os aparelhos novos da Microsoft e a data escolhida seria o dia 20 de novembro, uma sexta-feira.

Como de costume, a AT&T, lança seus novos aparelhos sempre em uma sexta-feira, por esse motivo, a data pode ser verdadeira. A Microsoft tinha anunciado que o valor do Lumia 950, sem o contrato com a operadora seria de U$549, mas o preço junto com o contrato não foi revelado, estima-se que seja U$99 aproximadamente.

O Lumia 950 é bem moderno e com alta tecnologia, conta com touchscreen, sua tela é de 5,2 polegadas e ainda conta com a maior resolução do mercado com: 2.560 x 1.440 pixels. O smartphone possui Wi-Fi, Bluetooth e GPS, sua memória interna é poderosa com 32GB, podendo ser expandida em até 200GB e possui RAM de 3GB. A câmera também não fica para trás, possui 20 megapixels e ainda filma em full HD com impressionante resolução de 3.840 x 2.160 pixels. O sistema operacional do aparelho é o mais recente, o Windows 10. O celular tem uma espessura fina de 8,2 milímetros e pesa 150 gramas.

O aparelho ainda não está a venda no Brasil, mas espera-se que não demore muito tempo para chegar ao país, após seu lançamento nos EUA.

Camilla dos Santos Batista


O grande destaque do novo Office 2016 fica por conta do Continuum e Cortana, que ganhou a versão em português.

A Microsoft lançou na última terça-feira (22) o novo Office 2016. O novo Office é para Windows 7 e todos os posteriores e Mac OS X. A atualização englobando os novos Excel, Word, Access, OneNote, Outlook e outros pode ser comprada de uma única vez e não tem custos adicionais para quem optar pela assinatura do Microsoft Office 365.

O grande destaque fica por conta do Continuum e Cortana, em português no novo Office. O Continuum veio para resolver problemas enfrentados pela Microsoft quando lançou o Windows 8 e recebeu muitas críticas pois a  plataforma trazia para PCs uma interface que funcionava em smartphones e tablets. Entrando o Continuum possibilita uma readaptação completa do sistema de acordo com o tipo de configuração que o usuário quiser no momento: touch ou teclado e mouse. Essa funcionalidade também vai se estender aos telefones, que funcionarão como um computador quando forem conectados em monitores, mouses e teclados.

Já a Cortana está totalmente disponível para o novo Excel, o 2016. A Cortana é a “assistente pessoal” da Microsoft. Integrada ao programa, será de grande ajuda para que usuários organizem reuniões e realizem buscas em planilhas. Ela está sendo liberada aos poucos para cada região, pois é adaptada para o local onde “trabalhará”. Marcos Ash, gerente da equipe responsável pela Cortana disse, em um post publicado no blog da Microsoft, que para projetar a assistente pessoal inteligente, uma nova abordagem seria preciso e não a do tipo “um tamanho serve para todos”, e sim uma que traga a personalização local, considerando o que é importante em cada país e cultura individualmente.

As instruções à Cortana podem ser dadas por comando de voz ou via teclado – e sua atuação não será limitada apenas à internet, pois ela também poderá buscar arquivos no computador e no OneDrive, de forma simultânea. Pode ainda abrir aplicativos, enviar e-mails sem necessidade de acesso ao site, entre outras muitas funções.

Por Elia Macedo

Novo Office 2016


Lumia 950 XL, Lumia 950 e o tablet Surface Pro 4 podem ser lançados com o novo sistema operacional da Microsoft, o Windows 10.

Ao que tudo indica, a gigante Microsoft poderá fazer a apresentação de uma nova geração de aparelhos celulares com o sistema operacional Windows 10. Segundo as especulações que já estão circulando pelos meios de comunicação, muitos especialistas da área já arriscam até em dizer que estes aparelhos poderão ser os aguardados Lumia 950 XL e Lumia 950, bem como o Surface Pro 4.

A fabricante, apesar de ainda não ter divulgado nada de oficial a respeito do assunto, só relatou que possui algumas novidades excitantes para compartilhar sobre os dispositivos Windows 10, mas essas revelações só serão feitas em um evento que será realizado no dia 6 de outubro em Nova York, nos Estados Unidos.

Mesmo que o foco da Microsoft esteja voltado para os dispositivos móveis neste momento, neste evento é esperado que a empresa utilize este evento para, finalmente, revelar qual será a data que irá disponibilizar o sistema operacional Windows 10 para celulares. Esta versão do sistema operacional deve demorar um pouco para chegar até os consumidores, uma vez que ele ainda está em fase desenvolvimento, sendo que, por enquanto, apenas alguns usuários que possuem acesso às versões prévias podem testá-lo.

As notícias de bastidores mais recentes a respeito dos smartphones topo de linha da Microsoft dão conta que os dois próximos aparelhos que serão lançados no mercado irão possuir hardware bastante capacitado, sendo que os seus principais destaques ficarão por conta das câmeras que serão as PureView com incríveis 20 megapixels de resolução. Estas especulações ainda cogitam que o Lumia 950 pode ter uma tela de 5,2 polegadas, enquanto o Lumia 950 XL pode ser lançado com um display avantajado de 5,7 polegadas.

Já em relação ao modelo denominado Surface 4 muito poucas informações estão sendo veiculadas, sendo que as que se sabem até o presente momento são que este aparelho, que é um tablet, chegará ao mercado dotado com um processadores dos modelos Broadwell, porém com versões que têm consumo reduzido de energia, a fim de fazer com que o aparelho tenha uma autonomia ainda maior.

Por Adriano Oliveira

Microsoft Lumia 950

Microsoft Surface Pro 4

Fotos: Divulgação


Modelo poderá se chamar Lumia 840 e ser lançado com o sistema operacional Windows Phone 8.1 GDR2.

A todo o momento surgem rumores, na internet, de que a Microsoft está trabalhando a todo vapor para a produção de novos smartphones para abastecer o mercado, dessa vez os especialistas da área acreditam que a empresa irá lançar dentro de muito breve o sucessor do Lumia 830.

Conforme as especulações que andam aparecendo no ambiente virtual, a Microsoft já está reduzindo consideravelmente a reposição do estoque do aparelho Lumia 830 na Índia, a ideia da empresa é a de realmente parar de repor este aparelho e assim cessar de vez as ações de marketing com o dispositivo, haja vista que o seu principal foco é trabalhar no lançamento de um sucessor que virá em breve.

Como os rumores são mais muitos, os especialistas do ramo estão apostando que o smartphone que irá suceder o Lumia 830 será equipado com o Windows Phone 8.1 GDR2, fator este que faz com que se tenha uma previsão de que este modelo poderá chegar ao mercado internacional antes mesmo do lançamento oficial do aguardado Windows 10, que é a novíssima versão do sistema operacional da Microsoft.

Possivelmente, este lançamento da Microsoft será batizado com o nome de Lumia 840, apesar de que quase nada a respeito de dados técnicos desse aparelho tenha sido divulgado pela empresa, a aposta é que ele chegue ao mercado com uma câmera traseira com tecnologia PureView de 13 ou 14 megapixels e para atender os amantes das famosas selfies uma câmera dianteira de 5 megapixels.

Agora com relação ao hardware a ser utilizado neste aparelho a aposta é que ele tenha um processador mais atualizado, mantendo a tela de cinco polegadas, contudo no design a proposta é que ocorram algumas pequenas mudanças em comparação com o Lumia 830.

Como já sabemos, a única coisa que podemos afirmar antes do lançamento oficial é que tudo isso não passa de expectativas e rumores, sendo que nem mesmo a empresa ainda não se pronunciou sobre a veracidade dessas informações, pois de qualquer modo a empresa ainda está trabalhando com sigilo total a respeito do assunto, todavia dentro dos próximos meses os planos oficiais da empresa acabarão sendo divulgados, a fim de fazer o pré-lançamento e a divulgação desse lançamento. 

Por Adriano Oliveira

Lumia 830

Lumia 830

Fotos: Divulgação


Empresas estão empatadas no 2º lugar como as mais valiosas do mundo em 2015. Apple lidera o ranking, valendo US$ 760 bilhões.

Duas das empresas gigantes da internet, Google e Microsoft ocupam o segundo lugar como as duas companhias mais valiosas do mundo em 2015, segundo reportagem da “Forbes”. A Apple está na primeira colocação da lista. A empresa Google cresceu cerca de 3,56% nos primeiros meses de 2015 e atualmente vale cerca de US$ 385,59 bilhões. No mercado, a Microsoft obteve um crescimento maior (9,4%), sendo avaliada em US$ 389,24 bilhões.

Vale ressaltar que ambas as empresas não chegam sequer a ameaçar a liderança da Apple entre as companhias mais valiosas. Inclusive, a empresa fundada por Steve Jobs vale mais de US$ 760 bilhões. Os resultados, de maneira geral, mostram a completa hegemonia das empresas de tecnologia no contexto de hoje.

Essas empresas já são mais rentáveis que companhias do mercado de energia e petróleo. Segundo os especialistas e consultores do mercado financeiro e de tecnologia, as companhias tendem a crescer cada vez mais e dominar por muito tempo o cenário global.

Ações na Bolsa de Valores:

Atualmente é possível investir em ações da Apple ou Google na Bovespa, segundo reportagem da “Revista Exame”. Essa medida é válida desde 2010 e não obriga o investidor a fazer remessas para o exterior, nem mesmo abrir quaisquer contas em bancos fora do país. 

Na prática, ocorre um tipo de investimento chamado “Brazilian Depositary Receipt”, segundo informações da BM&FBovespa. Os certificados de depósito são relacionados a valores emitidos no Brasil, os quais representam valores emitidos por empresas abertas do exterior. Lembrando que a emissão deve ser feita por empresas autorizadas a funcionar pelo Banco Central e habilitadas pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) a emitir BDRs.

Dentre as vantagens do investimento estão a oportunidade de investir em grandes companhias estrangeiras, como Apple, Google ou Microsoft, por exemplo, sem a necessidade de pagar custos relacionados a remessas para o exterior e manutenção dos demais controles nas operações. Os certificados também são simples para serem negociados, de maneira geral.  Além das empresas citadas, o investidor pode optar por companhias como Intel, Pfizer, Coca-Cola, Hershey, Walmart, dentre outras opções.

Por Letícia Veloso

Microsoft e Google

Foto: Divulgação


Novo modelo tem ótimas especificações

O novo Microsoft Lumia 640 XL, após ter sido lançado, está sendo considerado como um smartphone com aplicativos e design totalmente inovadores em todos os aspectos, fator estes que lhe dão a caraterística de um aparelho que pode ser utilizado como forma de entretenimento em qualquer lugar e a qualquer hora, ou seja, esse aparelho está sendo tão bem apreciado pela crítica que está sendo considerado como um dos dispositivos móveis mais bem feitos em todo o mercado.

Esse aparelho tem uma tela de nada mais nada menos do que 5.7 polegadas, tamanho este que, até o presente momento, é um recorde e coloca este produto da Microsoft no todo da categoria, mas com tamanho avantajado sem uma boa solução não iria resolver nada, a resolução da tela desse aparelho é de 1280 X 720 pixels o que é uma excelente resolução.

O sistema operacional utilizado nesse aparelho é o Windows Phone, com relação às funcionalidades, a principal funcionalidade desse aparelho é o sistema LTE 4G, o qual permite que os usuários consigam fazer a transferência de dados, além de uma navegação na internet com qualidade excelente, bem como conexão via Wi-Fi e GPS, as quais também foram disponibilizadas nesse aparelho.

E para ser um telefone mais completo ainda, o Microsoft Lumia XL traz consigo uma excelente câmera de 13 megapixels, a qual permite aos proprietários tirar fotografias incríveis com uma resolução de 4128X3096 pixels, além da possibilidade de gravar vídeos na qualidade full HD com a maravilhosa resolução de nada mais nada menos do que 1920 X 1080 pixels.

Outro fator que chama muito a atenção dos amantes dos smartphones é a espessura desse novo Microsoft Lumia 640 XL que foi projetado com apenas 9 milímetros, espessura esta que é considerada ótima pelos críticos para um telefone de alto padrão, mas realmente este aparelho é simplesmente espetacular e quem o adquirir com certeza terá uma ótima e inovadora experiência.

Por Adriano Oliveira

Microsoft Lumia 640 XL

Microsoft Lumia 640 XL

Fotos: Divulgação


Atualização do sistema operacional será liberada em abril

Usuários dos smartphones Nokia Lumia e Windows Phone tiveram uma agradável surpresa no início desta semana. A Microsoft anunciou que 36 modelos destes aparelhos irão receber a atualização para o Windows 10.

A notícia é ótima, afinal, quem não quer ter a oportunidade de mudar seu smart, deixá-lo mais rápido, ou mesmo com o menu mais atrativo?

O informe da empresa de Bill Gates já havia sido anunciado em fevereiro deste ano, porém, na época, apenas seis modelos poderiam receber a nova versão (Lumia 630, Lumia 635, Lumia 636, Lumia 638, Lumia 730 e Lumia 830).  De acordo com a Microsoft poucos aparelhos seriam beneficiados com a atualização, pois, precisavam de dispositivos que tivessem espaço de armazenamento. Agora, o número subiu para 36 pelo fato da empresa ter conseguido reverter a forma de distribuição do sistema, possibilitando, assim, a moldagem do compartimento de armazenagem dos dispositivos.

Dentre as melhorias esperadas com a nova versão, a principal é a melhoria na integração de serviços. Ou seja, será possível iniciar um trabalho no computador e terminá-lo no celular, o que facilitará a vida dos usuários. Ainda, as interfaces do celular e do computador poderão ser iguais.

No entanto, apenas em abril que os usuários serão beneficiados com a novidade. E, assim que estiver disponível, os aparelhos receberão uma notificação. Caso não receba nenhum alerta, é possível fazer manualmente. Primeiramente, é preciso realizar um cadastro no Insider Program. Após, faça o download do Windows Insider e vá até a central de configurações do aparelho. Lá, estará disponível a versão. 

Confira abaixo a lista dos dispositivos que receberão a nova versão:

– Nokia Lumia 1020, 1320, 1520, 520, 525, 526, 530, 530 Dual SIM, 535, 620, 625, 630, 630 Dual SIM, 635, 636, 638, 720, 730, 730 Dual SIM, 735, 810, 820, 822, 830, 920, 925, 928, ICON.

– Microsoft Lumia 430, 435, 435 Dual SIM, 435 Dual SIM DTV, 532, 532 Dual SIM, 640 Dual SIM, 535 Dual SIM.

Por Andréa Corneli Ortis

Windows 10 atualizado

Foto: Divulgação


Já está quase tudo certo para o lançamento do novo Lumia 640, da Microsoft, até a homologação feita pela Anatel já foi concluída. E assim a Microsoft vai fazendo os ajustes finais para o lançamento dos aparelhos da família Lumia, sendo que no Brasil a empresa tem especial interesse.

A Microsoft está tão focada no Brasil para o lançamento de sua nova estratégia, que um dos modelos que foi homologado na Anatel não tinha aparecido em nenhuma das especulações até o momento, ou seja, a empresa trabalhou em um projeto exclusivo para o nosso país.

E o novo smartphone da Microsoft que já está prontinho para ser comercializado no Brasil é o RM-1109, conhecido comercialmente por Lumia 640 Dual SIM DTV. O modelo tem custo reduzido para atingir parte do mercado de smartphone que procura por aparelhos com menor preço. A configuração do Lumia 640 também é reduzida e atende somente ao usuário que precisa do básico em um smartphone.

De acordo com os documentos da própria Anatel, o Lumia 640 conta com 2 cartões SIM e TV Digital, ou seja, características populares entre os brasileiros que procuram por um novo smartphone.

O Lumia 640 conta com Wi-Fi, 3G e também Bluetooth. Na caixa, junto com o aparelho, vem o carregador, bateria e fones de ouvido.

E com a divulgação de tais informações, a expectativa é que a Microsoft, já nos próximos dias, revele outros detalhes sobre o Lumia 640, inclusive, o aparelho poderá estar presente na conferência que será realizada um dia antes da MWC 2015. Nesta ocasião, será possível sabermos que o novo Lumia será lançado exclusivamente no Brasil, ou se estará presente também, no mercado de outros países.
E há expectativa para que neste mesmo dia seja lançado também o Lumia 1330.

O novo Lumia contará com tela de 5", sistema operacional Windows Phone 8.1, resolução de tela de 1280 X 720 px HD, 1GB de memória e 8GB de espaço em disco para armazenamento, mas o aparelho oferece suporte a cartão Micro SD podendo expandir este espaço para até 128GB.

Por Russel

Lumia 640

Foto: Divulgação


A Microsoft inovou o ramo da tecnologia recentemente através de um protótipo de visor holográfico que terá a possibilidade de oferecer ao consumidor videogames, chamadas online e inclusive imagens da superfície de Marte em três dimensões.

A empresa informou que o aparelho sem fio HoloLens estará presente de forma simultânea à disponibilização do Windows 10 em 2015. Analistas do ramo ficaram otimistas a respeito do objetivo, entretanto, estavam em dúvida se o aparelho poderá gerar um dispositivo com valor aberto para o mercado de massa em pouco tempo.

Mike Silver, analista da companhia de pesquisa de tecnologia Gartner, informou que foi como um momento fantástico e surpreendente. Ele testou o aparelho recentemente e afirmou que as pessoas precisarão aguardar para verificarem um valor bem alto em 2015 ou em 2016, e desta forma, pode ser que irá passar mais alguns anos para que tenha um valor menor.

A Microsoft está desenvolvendo a teoria sigilosa há alguns anos e apresentou uma lista de cenários: manipulação de objetos virtuais que tem a possibilidade de serem enviados para uma impressora 3D, formação de um ambiente similar ao jogo Minecraft em uma sala e possibilitar que os consumidores indiquem para objetos no outro lado de uma chamada de vídeo por Skype.

Outros procedimentos informados pela companhia estão um panorama da superfície de Marte de acordo com imagens realizadas pelo robô Curiosity, da Nasa. A agência espacial norte-americana está em desenvolvimento com o Microsoft para a produção de um software denominado “OnSight”, que irá possibilitar que os cientistas na Terra descubram virtualmente e esboçam testes em Marte.

O analista Al Hilwa, da empresa de pesquisa do mercado de tecnologia IDC, afirmou que é fantástico e uma inovação a amplitude que o estado da arte cresceu a respeito de hologramas. Ele fica esperando a Princesa Leia surgir, informando isto com base na personagem da saga Star Wars.

Por Felipe Couto de Oliveira

Microsoft HoloLens

Foto: Divulgação


Um dos processadores de textos mais famosos do mundo é, sem sombra de dúvidas, o Microsoft Word. E se você gosta de editar seus documentos através do mesmo e está em busca de mais praticidade, saiba que foi lançado o Microsoft Word Preview. Trata-se de uma versão para Android do famoso processador de texto. Dessa forma, o usuário não fica condicionado apenas ao seu computador, pois agora é possível editar os seus arquivos diretamente na tela de seu tablet ou smartphone.

Vale ressaltar que é bastante simples ter acesso a este software, haja vista apenas ser necessário que o usuário efetue a conexão com a sua conta da Microsoft. A conta a ser utilizada será a mesma do Outlook ou até mesmo a conta que você utiliza para acessar o Windows 8, ambas irão funcionar. Após fazer a sincronização com sua conta já será possível abrir o aplicativo e usufruir de todos os recursos que o mesmo disponibiliza.

Um dos destaques desse aplicativo é quanto ao fato do mesmo dispor de uma interface fiel à versão tradicional do processador de texto. Com isso, se você está acostumado com toda aquela organização e uma grande quantidade de opções de edição, saiba que tudo isso também é encontrado no Microsoft Word Preview. O app possui a mesma organização das funções, das guias e ainda apresenta alguns recursos exclusivos.

Assim como na versão tradicional, no Word Preview o usuário irá encontrar a opção para criar um novo documento em branco ou escolher um dos vários modelos disponíveis. Além disso, o aplicativo também disponibiliza a opção para acesso direto aos seus documentos que se encontram armazenados no OneDrive ou no Dropbox. Além disso, Word Preview também conta com um sistema de manipulação mais simples quando o assunto são as imagens.

Caso esteja interessado em testar o Microsoft Word Preview, saiba que sua versão completa é disponibilizada de forma gratuita. O download do aplicativo pode ser feito através do site oficial Baixaki. O mesmo é compatível com Android 4.4 ou versões superiores.

Por Bruno Henrique

Microsoft Word Preview

Foto: Divulgação


Foram oficialmente apresentados no dia 14, os novos smartphones da Microsoft, o Lumia 435 e o Lumia 532. A nova linda de aparelhos celulares da empresa começa a ser comercializada na Europa, Índia, Ásia e África até o mês de fevereiro deste ano, com preços variando entre os 69 euros (R$ 214) e 79 euros (R$ 245).

Para se chegar a valores tão baixos, foi necessário que a Microsoft optasse em economizar nas lentes das câmeras que integram os aparelhos. No Lumia 435 está instalada na parte frontal do aparelho uma câmera VGA, enquanto sua câmera traseira oferece uma resolução de 2 megapixels. O Lumia 532 por sua vez, apresenta uma câmera frontal VGA que acompanha o aplicativo Lumia Selfies (aplicativo gratuito da Nokia especifico para se tirar selfies) e sua câmera traseira já possui uma qualidade maior de resolução, 5 megapixels.

A configuração de hardware dos dois aparelhos é mais básica e se assemelha em alguns pontos ao Motorola Moto E, que entrou no mercado no ultimo ano. No Lumia 435 há um processador Snapdragon 200 dual-core de 1,2GHz, já o processador que acompanha o Lumia 532 é um Snapdragon quad-core de 1,2 GHz. Os dois modelos são dual-chips, têm memória interna de 8GB (maior que a de muitos smartphones que se encontram hoje no mercado), memória RAM de 1 GB e bateria com 1560 mAh. O tamanho da tela assim como a sua resolução, é outro ponto que deixa um pouco a desejar. Nos dois modelos as telas são WVGA de 4 polegadas e a resolução das mesmas é de 800 x 480 pixels.

Acompanham ainda nos novos Lumias, o sistema operacional Windows Phone 8.1, produtos licenciados da Microsoft como o Office, OneNote, Outlook, Skype e 30 GB de armazenamento de arquivos grátis no OneDrive.

Com a criação do Lumia 435 e o Lumia 532, a Microsoft espera atrair novos consumidores que estão em busca de seu primeiro smartphone, mas que ao mesmo tempo não têm a intensão de pagar muito caro para terem um bom aparelho.

No Brasil, mesmo depois da divulgação acidental e antecipada feita pela Anatel dos novos Lumia, a Microsoft ainda não definiu quando seus novos smartphones começarão a ser vendidos no país e nem quais serão os valores praticados por aqui.

Por André F.C.

Lumia 435

Lumia 532

Fotos: Divulgação


Ao contrário do que muitos comentavam, a Microsoft não abandonou a produção de aparelhos celulares. A empresa iniciou 2015 com uma excelente novidade: o lançamento do novo modelo Nokia 215 em duas versões.

O aparelho deve apresentar baixo custo, cerca de 30 dólares, ou seja, aproximadamente 80 reais, sem os impostos e taxas adicionais.

A empresa visa atrair o público que deseja possuir um celular simples e com menor custo em relação aos smartphones que lideram o mercado internacional.

O aparelho terá acesso à internet e aplicativos como o Facebook e Twitter já virão instalados. Apesar disso, o modelo não será um smartphone, portanto, não executará o sistema operacional Windows Phone.

Segundo a própria empresa, o celular terá tecnologia 2G, suporte a armazenamento externo de até 32GB, navegador nativo e conexão bluetooth. Rádio FM, MP3 e câmera de 0.3 MP também estarão disponíveis no dispositivo. As cores disponíveis são: verde, preto e branco.

A versão principal possui entrada para apenas um cartão SIM e bateria de 1100 mAh, que promete autonomia de 29 dias.

Já a versão Dual SIM promete manter o cliente longe da tomada por até 21 dias. Esses dados são estimados com uso moderado do aparelho.

O modelo é voltado aos países emergentes, por esse motivo, se tornou o celular o mais barato a possuir conexão com a internet. A tecnologia 2G é suficiente para os países em que o modelo será inicialmente lançado.

As pesquisas afirmam que 60% da população mundial ainda não possuem conexão coma internet e a empresa planeja diminuir essa porcentagem, lançando modelos simples, com baixo custo e conectividade.

O Nokia 215 deve chegar aos países do continente Africano, China, India, Oriente Médio e Leste Europeu ainda no primeiro semestre de 2015. Ainda não existe previsão sobre o lançamento do modelo em território brasileiro. 

Com esse lançamento, a Microsoft anuncia que outras as ofertas e lançamentos de modelos com baixo custo estarão presentes esse ano.

Por Wendel George Peripato

Foto: divulgação


Conhecida por não dar muito suporte aos usuários ou até mesmo por não contar com os aplicativos mais requisitados, a loja do Windows Phone vem passando por grandes mudanças.

Um grande exemplo foi a disponibilidade recente o jogo Candy Crush Saga, que até então não tinha sua versão para o sistema operacional, mesmo já existindo há 2 anos para Android e iOs e sendo um dos jogos mais populares em smartphones.

Porém, a grande atenção dessa semana foi para o app da Netflix. O serviço é o maior fornecedor de filmes e séries via streaming do mundo e não tinha uma versão decente disponibilizada para os usuários do Windows Phone.

Dentre as maiores queixas, era que a versão antiga não tinha a opção de selecionar qual usuário da conta estava sendo utilizado (para o caso de múltiplos pontos e consequentemente usuários em uma mesma conta). Isso fazia com que o histórico de filmes acessado fosse registrado em contas de outros usuários.

Com a atualização, agora é possível selecionar quem está utilizando o aplicativo no aparelho e ter um melhor controle sobre o histórico de navegação, as preferências, sugestões e listas de reprodução.

Outra grande mudança foi nos blocos dinâmicos (ícones dos aplicativos presentes na tela inicial do sistema operacional, semelhante aos utilizados a partir do Windows 8 para PC), que agora exibem imagens dos últimos filmes ou séries assistidos dentro do aplicativo.

Além das mudanças e renovação no design, que já existiam no Android e no iOS, os usuários do sistema operacional da Microsoft ainda contarão com a possibilidade de integrar o app à assistente virtual Cortana.

Mesmo disponível apenas em inglês no momento, é possível utilizar a assistente no Brasil, caso o idioma do aparelho seja selecionado como Inglês; claro, para isso é necessário que o usuário seja um falante do idioma.

Dentre as funções conectadas entre a Cortana e o app Netflix, é possível dizer à assistente para procurar por um filme específico, por exemplo, tirando a necessidade de abrir o aplicativo e digitar o nome da obra na caixa de pesquisa.

Por Rannier Ferreira Mendes

Foto: divulgação


Uma dica de produtividade para uso de smartphones é o recente lançamento da Microsoft, um forte concorrente para o Google Now. Trata-se do Torque Search, uma aplicação inicialmente desenvolvida para smartwatches com Android Wear. É um assistente que utiliza o Bing como motor de busca.

O Torque Search pode ser usado para fazer buscas agitando o smartphone e dizendo o que deseja encontrar. Não é necessário, portanto, acionar o aplicativo atavés de ícones e toques.

Para quem possui Android Wear em um smartwatch, há outras funcionalidades disponíveis. Talvez a vejamos disponíveis para smartphones em breve.

Para instalar o Torque Search no seu celular, é só fazer o download gratuito na Google Play Store, logar-se em sua conta Microsoft, e agitar seu smartphone para começar a testar o aplicativo.

O projeto foi produzido no Microsoft Garage (traduzindo, Garagem Microsoft), ambiente de desenvolvimento onde a empresa do Bill Gates cria aplicativos diversos para plataformas diversas, inclusive para Android. É uma iniciativa que permite que os funcionários da Microsoft possam produzir algo fora de suas tarefas empregatícias.

O Microsoft Garage foi uma das muitas mudanças trazidas desde que Satya Nadella assumiu o cargo de CEO da empresa. Criado em 2009, o Garage está sob os cuidados de Jeff Ramos, e já tem mais de dez mil membros. Adotando estratégias que a própria Google já utilizava, a Microsoft permite que seus funcionários utilizem parte do seu tempo em projetos que acreditem serem interessantes para os usuários, independente da plataforma.

“O Garage representa uma mudança na companhia. Nossa cultura está evoluindo, estamos procurando experimentações com outras plataformas”, declarou Jeff Ramos ao site The Verge.

O novo CEO, Satya Nadella, é um dos responsáveis por esse tipo de mudança da Microsoft. Além dessa novidade, o CEO já levou o pacote Office para o iPad, assim como o Xim, para compartilhamento de fotos, foi levado para o Android.

Por Daniel Cavalcante

Foto: divulgação


Há pouco mais de um ano, a Microsoft agregou a marca finlandesa Nokia à sua corporação. A compra durou alguns meses e logo foram lançados aparelhos em parceria. Mas como nem tudo são flores, a Microsoft anunciou que a parceria entre a Nokia acabaria, assim a nova marca de aparelhos produzidos em conjunto se chamaria somente Lumia, sem a logo da Nokia. E não é só isso, alguns aplicativos foram desativados e agora chegou a vez do Nokia Trailers.

A empresa de Bill Gates anunciou que o projeto não terá futuro, mostrando que quer apagar da memória dos clientes a parceria com a lendária empresa finlandesa, que já foi sinônimo de confiança e durabilidade. A Microsoft informou que não irá mais continuar com o aplicativo para Windows Phone a partir de 1º de janeiro de 2015, quando os usuários não poderão mais utilizar o aplicativo. Os próprios usuários que ainda usam o sistema foram avisados por meio de mensagens.

Apesar da continuidade de diversos aplicativos para Windows Phone após a aquisição, o Nokia Trailers ficou de fora. Um dos motivos foi a dificuldade em realizar novas atualizações e outras possibilidades, que segundo a empresa, tornou inviável mantê-lo.

O Nokia Trailers foi lançado em 2012, contudo não recebe atualizações desde 2013. A principal função do aplicativo é informar aos usuários novidades sobre trailers e teasers de filmes que estão prestes a ser lançados. Sua maior vantagem era a possibilidade baixar o vídeo desejado para o aparelho, que poderia ser compartilhado com amigos.

O aplicativo tinha uma boa receptividade e funcionava muito bem, entretanto a falta de atualizações e divulgação, assim muitos usuários pararam de usar o serviço e outros nem ao menos baixaram. Até o momento a empresa não informou se irá lançar um novo aplicativo com o mesmo fim. Agora resta saber se haverá alguma novidade neste segmento para Windows Phone. 

Por Robson Quirino de Moraes

Nokia Trailers

Foto: Divulgação


A Microsoft anunciou um aplicativo bastante interessante e que com certeza será bastante útil para os amantes de vídeos. O Movie Creator terá o papel de realizar a edição de vídeos de uma maneira bem intuitiva e prática para os usuários de dispositivos móveis equipados com Windows Phone.

Parece que a plataforma, mesmo com uma gama de apps menor que iOS e Android, já está madura o suficiente para entregar uma boa experiência para seus usuários.  

O Movie Creator é de fato bastante simples de ser utilizado. Basta o usuário seguir apenas quatro passos básicos, como selecionar os vídeos e fotos que farão parte do filme, escolher um título e legenda, definir um tema e adicionar uma trilha sonora caso ache necessário.  

Mas as funcionalidades do aplicativo não param por aí. Com ele é possível aplicar zoom nas imagens, rotacionar fotos, aplicar filtros existentes, ajustar o volume do áudio e até definir a resolução final do vídeo. Além disso, há a possibilidade de inserir fotos e vídeos compartilhados por outros usuários. Isso certamente trará uma integração maior com amigos que possuem fotos em outros aparelhos.  

Assim que o processo todo estiver concluído, é possível compartilhar o vídeo nas redes sociais ou armazená-lo em algum serviço de nuvem, em especial o OneDrive.

O app traz alguns temas, incluindo dois da Dreamworks, "Kung Fu Panda" e "Madagascar". Caso o usuário queira, novos temas poderão ser comprados à parte.

A Microsoft não afirmou se o novo app irá substituir o Video Tuner ou qualquer outra aplicação para o Windows Phone com finalidade similar. 

O Movie Creator Beta é compatível apenas com aparelhos equipados com Windows Phone 8.1 e superiores a 512 MB de memória RAM. O arquivo de instalação pesa 164 MB.  

Caso tenha interesse em realizar o download em seu smartphone com o sistema da Microsoft, ele está disponível gratuitamente na Windows Phone Store.

Por William Nascimento

Movie Creator

Foto: Divulgação


A Microsoft está ganhando espaço no mercado de smartphones com o lançamento de aparelhos cada dia mais atualizados e equipados. Assim como o iOS e o Android, o Windows Phone possui uma loja de aplicativos, disponibilizando os mais diversificados apps para os usuários.

A seguir está uma lista dos aplicativos mais úteis para quem quer tirar melhor proveito de seu smartphone:

1- Instagram

Esse app é para aqueles que adoram compartilhar seus melhores momentos em forma de fotos e vídeos com seus amigos e seguidores, possuindo uma interface simples de usar.

2- Facebook

Sem dúvida alguma, o Facebook é a maior rede social do momento. Com o aplicativo, o usuário pode acessar diretamente sua conta a partir do seu smartphone, sem precisar usar um computador. É possível atualizar seu status, postar fotos e vídeos, assim como curtir e comentar as postagens de seus amigos.

3- Lumia Camera

Esse é um aplicativo exclusivo para os smartphones que executam Windows, permitindo que o usuário opere uma verdadeira câmera profissional com seu smartphone, tornando as opções de foto totalmente personalizáveis e com diversos recursos interessantes.

4- Lumia Creative Studio

Ótimo aplicativo para edição de fotos. Nele é possível adicionar filtros, cortar, alterar o foco, os níveis de cores, balanço e luz, transformando sua foto numa verdadeira obra de arte.

5- Twitter

Essa é outra famosa rede social que o usuário pode mantê-la na ponta dos dedos. Com o aplicativo, é possível fazer sua famosa postagem de 140 caracteres de onde estiver, assim como ler o que seus amigos postaram.

6- Netflix

O Netflix é o serviço de streaming de filmes e séries mais utilizado no mundo. Para utilizá-lo, basta ter uma conta no site, que pode ser a mesma usada em outros aparelhos, como PC, tablet, Smart TV ou Home Theather; basta ter a quantidade de pontos suficientes para acessar simultaneamente sua conta em diferentes dispositivos.

7- Skype

O Skype é o serviço de videoconferências e chamadas telefônicas da Microsoft. O aplicativo funciona 100% nos aparelhos Lumia, inclusive sendo possível integrar seus contatos do Skype com sua agenda muito facilmente.

Por Rannier Ferreira Mendes

Foto: divulgação


A Microsoft anunciou no começo desta semana o lançamento de seu primeiro smartphone com sua marca estampada no dispositivo. A empresa, que adquiriu a finlandesa Nokia, estava utilizando a logomarca da antiga companhia até então, porém agora chamará seus aparelhos celulares sob a nomenclatura de Microsoft Lumia.

O primeiro aparelho dessa inovação é o Microsoft Lumia 535, que terá muito do estilo do Nokia Lumia 530, que está disponível no mercado brasileiro. A semelhança é mais física, já que o modelo conta com uma tela maior e melhor desempenho de hardware.

De acordo com a nomenclatura dos aparelhos Lumia, ele pertence a uma categoria mais baixa, ou seja, não é um smartphone feito para brigar com os modelos top de linha de suas concorrentes Samsung ou Apple, por exemplo. Essa competição ainda fica a cargo de aparelhos lançados recentemente que ainda carregam a assinatura Nokia, como o Lumia 830 e o Lumia 930.

As especificações técnicas do aparelho já foram anunciadas. Suas dimensões serão de 140,2 mm de altura, 72,4 mm de largura, 8,8 mm de espessura e pesará 146 gramas. O Lumia contará com um processador Snapdragon 200 Quad core, de 1,2 GHz, Memória RAM de 1 GB, tela de 5 polegadas (seguindo a tendência dos último modelos lançados com telas grandes), com resolução de 960 x 540 pixels, densidade de pixels de 220 ppi, tipo IPS LCD e proteção Gorilla Glass 3. A câmera principal do aparelho será de 5 MP, com flash LED e resolução de 2592 x 1944 pixel, enquanto que a frontal também terá 5 MP de resolução. A memória de armazenamento terá 8 GB, porém será possível expandi-la através do uso de cartão MicroSD de até 128 GB. O Lumia 535 já virá com a última atualização do sistema operacional da marca, o Windows Phone 8.1 Lumia Denim.

Ainda não há previsão de quando o aparelho será lançado no mercado brasileiro e menos ainda sabe-se a respeito do seu preço no país.

Por Rannier 

Microsoft Lumia 535

Microsoft Lumia 535

Fotos: Divulgação


O smartphone Nokia Lumia 930 é o mais recente lançamento top de linha da marca, que carrega agora o carimbo da Microsoft. Ele é a versão mais recente da família 900, que iniciou justamente com o Lumia 900, sendo substituído pelo 920, então pelo 925 e recentemente o posto foi assumido pelo Lumia 930.

Comparando-se as duas últimas versões, o Lumia 930 é ligeiramente maior que seu antecessor Lumia 925. O primeiro mede 9,8 mm de espessura, 137 mm de altura e 71 mm de largura, pesando 167 g, enquanto o 925 mede 8,5 mm de espessura, 129 mm de altura e 70,6 mm de largura, pesando 139 g, algumas gramas a menos que o modelo novo.

Esse tamanho reflete o tamanho da tela do novo dispositivo, que é de 5 polegadas, meia polegada a mais que o antigo, porém, é Full HD (1920 x 1080), enquanto o 925 tem uma resolução de apenas 1280 x 768 pixels.

Quanto às configurações de hardware, o 930 vem com 32 GB de memória de armazenamento, processador 2.2 GHz Quad Core e 2GB de memória RAM. O 925 fica atrás em todos os aspectos, já que possui 16GB de memória de armazenamento, processador de 1.55 GHz Dual Core e 1GB de memória RAM.

Uma grande evolução do Lumia 930 em relação ao Lumia 925 foi a câmera, que agora tem 20MP, com 5376 x 3744 pixels de resolução, contra 8MP e 3264 x 2448 pixels de resolução do modelo anterior. A câmera frontal do novo modelo possui 1.3MP, sendo apenas 0.1MP melhor que do 925.

Quanto ao software, ambos contam com o novo Windows Phone 8.1, que é a atualização mais recente para todos os aparelhos da família Lumia com Windows 8. As configurações de rede e conectividade são as mesmas nos dois aparelhos, porém o 930 já utiliza o Nano SIM, enquanto que o 925 ainda utiliza o Micro SIM.

A bateria do Lumia 930 é um pouco mais potente, mas já era de se esperar, já que, além de ser uma versão mais recente, tem uma tela maior e configurações de hardware mais aprimoradas.

Por Rannier Ferreira Mendes

Foto: divulgação


O smartphone Nokia Lumia 930 é o mais recente lançamento top de linha da marca, que carrega agora o carimbo da Microsoft. Ele é a versão mais recente da família 900, que iniciou justamente com o Lumia 900, sendo substituído pelo 920, então pelo 925 e recentemente o posto foi assumido pelo Lumia 930.

Comparando-se as duas últimas versões, o Lumia 930 é ligeiramente maior que seu antecessor Lumia 925. O primeiro mede 9,8 mm de espessura, 137 mm de altura e 71 mm de largura, pesando 167 g, enquanto o 925 mede 8,5 mm de espessura, 129 mm de altura e 70,6 mm de largura, pesando 139 g, algumas gramas a menos que o modelo novo.

Esse tamanho reflete o tamanho da tela do novo dispositivo, que é de 5 polegadas, meia polegada a mais que o antigo, porém, é Full HD (1920 x 1080), enquanto o 925 tem uma resolução de apenas 1280 x 768 pixels.

Quanto às configurações de hardware, o 930 vem com 32 GB de memória de armazenamento, processador 2.2 GHz Quad Core e 2GB de memória RAM. O 925 fica atrás em todos os aspectos, já que possui 16GB de memória de armazenamento, processador de 1.55 GHz Dual Core e 1GB de memória RAM.

Uma grande evolução do Lumia 930 em relação ao Lumia 925 foi a câmera, que agora tem 20MP, com 5376 x 3744 pixels de resolução, contra 8MP e 3264 x 2448 pixels de resolução do modelo anterior. A câmera frontal do novo modelo possui 1.3MP, sendo apenas 0.1MP melhor que do 925.

Quanto ao software, ambos contam com o novo Windows Phone 8.1, que é a atualização mais recente para todos os aparelhos da família Lumia com Windows 8. As configurações de rede e conectividade são as mesmas nos dois aparelhos, porém o 930 já utiliza o Nano SIM, enquanto que o 925 ainda utiliza o Micro SIM.

A bateria do Lumia 930 é um pouco mais potente, mas já era de se esperar, já que, além de ser uma versão mais recente, tem uma tela maior e configurações de hardware mais aprimoradas.

Por Rannier Ferreira Mendes

Foto: divulgação


Parece que este ano foi um dos mais produtivos para a indústria tecnológica. Em especial para os wearables que contaram com diversos modelos lançados pelas principais fabricantes do mundo, como Samsung, Apple, Motorola, LG, entre outras.

A Microsoft aproveitou o final do ano para dar fim aos rumores que lançaria um relógio inteligente. O Microsoft Band não é bem um smartwatch, apesar de você poder utilizá-lo como um. Ele se encaixa melhor na categoria de smartband, voltado para o universo fitness, devido à grande quantidade de sensores espalhados pelo dispositivo. Neste conceito ele é excelente. O Band traz sensores que possibilitam medir a frequência cardíaca, níveis de estresse, entre outras características corporais.  

Sua bateria promete durar cerca de 48 horas por recarga. E, claramente, o Microsoft Band é o dispositivo do seguimento fitness mais apto para tal função. Ele também poderá ser conectado para trabalhar junto ao smartphone do usuário, além de contar com o assistente virtual Cortana, que trará ao usuário informações e até notificações importantes.  

Com a smartband é possível integrar serviços como o RunKeeper, MyFitnessPal e até a conta do Starbucks de clientes da cafeteria, permitindo pagamentos por meio da pulseira (somente nos EUA).  

Um serviço de monitoramento também foi anunciado. O Microsoft Health tem como objetivo não só coletar dados, mas fornecer informações personalizadas baseadas em informações produzidas pelo usuário. Com ele é possível, por exemplo, saber se você gastou todas as calorias que ingeriu no lanche da tarde, ou se acordou durante a noite, entre outras funcionalidades bastante interessantes. Assim como outros aplicativos do gênero, também será possível configurar metas diárias de atividades físicas.  

O Microsoft Health está disponível para os três principais sistemas operacionais móveis do mundo: Android, iOS e Windows Phone.  

Não há previsão de chegada do Microsoft Band no mercado brasileiro, mas ele já está disponível nas lojas da Microsoft nos EUA por US$ 199.

Por William Nascimento

Microsoft Band

Foto: Divulgação


O longo relacionamento entre a Microsoft e a Nokia foi complicado desde o início, quando envolveu apenas uma parceria onde a marca de celulares era responsável por peças de hardware, e que acabou se desenvolvendo para a compra, por parte da Microsoft, do setor de fabricação de celulares da marca finlandesa no que pareceu ser uma separação bastante acirrada. Após vários boatos aparecerem e serem desmentidos por ambas as empresas, parece não ser mais segredo sobre quem vai tocar o barco para a fabricação de peças para os Windows Phones daqui para frente. Os aparelhos passarão a ser chamados apenas de “Microsoft Lumia”.

A fase de reformulação da marca vai começar na França, com a mudança já acontecendo nas páginas das redes sociais da marca naquele país, onde o “Microsoft Lumia” já vai substituir a marca antiga. Porém, a decisão da Microsoft de deixar a marca Nokia não significa que esta vai deixar de existir. Ela continua como uma empresa à parte, porém sem o segmento de telefones celulares, ficando voltada apenas para serviços de mapeamento e infraestrutura de redes.

A partir da França, a gigante dos softwares para computadores prosseguirá com a mudança nos aparelhos ao redor do mundo, modificando as peças dos aparelhos (ainda não se sabe se no corpo dos novos dispositivos virá “Microsoft”, “Lumia” ou “Microsoft Lumia” no lugar de onde aparecia “Nokia”), redes sociais e propagandas, online e fisicamente.

A mudança na nomenclatura dos aparelhos já era esperada há meses, quando surgiu o primeiro boato de que a Nokia seria extinta, e o nome “Lumia” faz sentido uma vez que era exclusivo para os dispositivos que vinham com o sistema operacional Windows instalado.

Agora é aguardar o grande impulso que a Microsoft deve dar aos aparelhos, na tentativa de fixar o novo (antigo) nome no mercado e na preferência dos usuários, extinguindo a antiga marca, que ultimamente vinha recebendo inúmeras críticas pela má qualidade de seus aparelhos (que não vinham com Windows).

Por Felipe Foureaux Freitas

Microsoft Lumia

Foto: Divulgação


Uma das maiores preocupações para os usuários de smatphone é duração média da carga da bateria que, utilizando de forma razoável, não passa de um ou dois dias, o que gera um certo transtorno quando a carga da bateria acaba e você está fora de casa, necessitando utilizar o aparelho.

Pensando nisso, a Microsoft acaba de anunciar um aparelho considerado um “salva-vidas” para resolver esse problema crônico de carga de bateria. Trata-se de um gadget, que recebeu o nome simples de Portable Power, que em português significa carga portátil.

Para ter uma boa noção de como é o produto basta imaginar um isqueiro, porém, com capacidade de fornecer energia aos produtos eletrônicos. Foi implementado também um LED para indicar a situação da bateria.

Os detalhes do produto são: largura de 43,9 milímetros, espessura de 25,4 milímetros, altura de 99,5 milímetro, o peso é de 145g. O cabo possui cumprimento de 25cm, a conectividade é possível a partir das entradas micro-USB e USB, possui LED para indicar o nível exato de carga da bateria e a capacidade da mesma é de 6000 mAh.

Após o lançamento das capas com capacidade de carga, esta é, sem dúvida, a maior novidade, pois o produto evita um sobrepeso no aparelho. O usuário pode utilizá-lo apenas quando necessário. A notícia é melhor para aqueles que nunca lembram de carregar o aparelho e ficam em situação complicada quando o aparelho descarrega.

A previsão é que o produto chegue às prateleiras ainda neste mês de outubro nas cores verde, branca e laranja. O preço do Portable Power será de US$ 49,00. Contudo, ainda não há a previsão de lançamento no Brasil. Se convertido para o real, o valor do aparelho no Brasil custaria em torno de R$ 112,00.

Enquanto aguarda, os usuários podem utilizar das capas que auxiliam em uma carga extra. Apesar de não ter todos os benefícios do Portable Power, pode ser muito útil nas situações de dificuldade.

Por André César

Foto: divulgação


Nesta quarta-feira (1º/10), a Microsoft, por meio de uma coletiva de imprensa na cidade de São Paulo, anunciou a data de disponibilidade dos novos aparelhos da linha Lumia. Os preços dos modelos 730, 735 e 830 também foram revelados no anúncio. 

De acordo com a empresa, os smartphones estarão disponíveis para os consumidores brasileiros a partir da próxima semana com preços bastante atraentes.  

Com uma aparência semelhante ao topo de linha Lumia 930, o 830 conta com uma tela grande e excelente câmera. O aparelho estará disponível nas cores branca e preta e custará R$ 1.199.

Abaixo você poderá conferir as especificações do Lumia 830:  

– Tela: HD de 5 polegadas com resolução de 720 x 1280 e tecnologias IPS e Gorilla Glass 3;

– Processador: Quad-Core Snapdragon 400 de 1,2 GHz;

– Armazenamento: 16 GB (expansível com micro SD de até 128 GB);

– Memória RAM: 1 GB;

– Câmeras: traseira de 10 MP PureView com estabilização óptica e lentes Zeiss e frontal de 1 MP;

– Bateria: 2200 mAh removível compatível com a tecnologia de carregamento sem fio;

– Sistema: Windows Phone 8.1;

– Conectividade: Wi-Fi, Bluetooth e 4G.

Já o Lumia 730 e o 735 chegarão às lojas brasileiras pelos valores de R$ 699 e R$ 899, respectivamente.

O Lumia 735 se diferencia do 730 por contar com a tecnologia 4G. Seguem as especificações dos aparelhos:

– Tela: HD OLED de 4,7 polegadas com resolução de 720 x 1280;

– Processador: Quad-Core Snapdragon 400 de 1,2 GHz;

– Armazenamento: 8 GB expansível via micro SD de até 128 GB;

– Memória RAM: 1 GB;

– Câmeras: traseira de 6,7 MP com flash LED e frontal de 5 MP;

– Bateria: 2220 mAh compatível com carregamento sem fio;

– Sistema: Windows Phone 8.1;

– Conectividade: Wi-Fi, Bluetooth, 3G e 4G no Lumia 735.

Se você é um usuário que pretende ter outra experiência além do Android e iOS, essas podem ser ótimas alternativas para utilizar um smartphone com ótimas especificações e sistema operacional Windows Phone.

Por William Nascimento

Nokia Lumia 730 e 735

Nokia Lumia 830

Fotos: Divulgação


Quem tem um aparelho Windows Phone, certamente sabe quem é Cortana. A assistente pessoal da Microsoft, bem parecida com a Siri da Apple, terá em breve sua versão para a China e Reino Unido.

Segundo o perfil do Twitter @ThatMcrosoftGuy, o serviço tão aguardado da plataforma estará disponível em breve. O responsável pelo perfil, que diz ser um funcionário da Microsoft, disse que o usuário nem perceberá a mudança em seu smartphone, visto que ele será totalmente nas nuvens, sem necessidade de downloads ou atualizações.

A mudança é bem promissora, visto que um belo dia você abrirá a busca e Cortana estará lá para lhe auxiliar e pronta para responder suas perguntas.

Atualmente, a assistente pessoal da Microsoft está disponível somente nos Estados Unidos e com suporte ao idioma inglês.

Se você ficou curioso e quer saber mais desse serviço, saiba que você já pode testá-lo, mesmo não estando nos Estados Unidos. Basta ir na loja de seu smartphone e instalar o “Preview for Developers” que nada mais é que um aplicativo, normalmente focado em desenvolvedores, onde você terá acesso em primeira mãos às novidades do sistema.

Aplicativo instalado, basta criar uma conta de desenvolvedor da Nokia e baixar as últimas atualizações. Assim, você perceberá que acaba de ter acesso ao Windows Phone 8.1, com diversos recursos novos, porém, Cortana ainda não está disponível.

Para habilitar a assistente, você deve mudar a região e o idioma de seu aparelho para “Inglês – Estados unidos”. Caso você seja familiar com o idioma norte americano, é capaz até de gostar, pois o seu aparelho fica totalmente em inglês. Assim que for em seus aplicativos notará que Cortana agora está disponível, porém, somente em inglês.

Terá primeiramente uma configuração inicial e depois pode fazer qualquer pergunta que ela tentará responder o melhor possível.

Cortana é exclusiva para aparelhos Windows Phone e não tem data de chegada no Brasil.

Por Felipe Henrique de Souza

Foto: divulgação


Sem nenhuma sombra de dúvida, já é um consenso de que os smartphones entram em nossas vidas para torná-las mais fáceis. Entretanto, uma coisa que “pega” é o fato de que a bateria desses aparelhos raramente aguenta um dia inteiro. O que acaba fazendo com que o usuário tenha que recarregar o aparelho até mais de uma vez durante o dia. E isso vale para todos os modelos, tanto para aparelhos mais humildes quanto aqueles que são topo de linha.

Foi de olho nesse problema que a toda poderosa Microsoft decidiu arrumar uma solução bem prática para questão. Recentemente a empresa de Bill Gates anunciou uma calça que integra um carregamento sem fio embutido. Coisa boa para quem tem o hábito de levar seus aparelhos dentro dos bolsos.

De acordo com as informações divulgadas até o momento, o dispositivo ou calça, como preferirem, começou a ser projetado há seis meses. A criação ficou a cargo de outra gigante, a Redmond que por sua vez fez uma pareceria com o estilista e designer britânico Adrien Sauvage para a grife intitulada de Modern Man. De qualquer forma tudo ainda em sua dita fase conceitual.

A tal calça basicamente é bem parecida com uma roupa comum. A diferença do “modelo” está no fato de que em um dos bolsos da parte da frente está embutida uma placa de carregamento wireless DC 50 da Nokia. A placa é capaz de fazer o carregamento dos aparelhos que tenham suporte para a tecnologia como é o caso do Lumia 930.

Esse tipo de tecnologia de carregamento sem fio tem seus fundamentos em um sistema de recarregamento indutivo usando para isso um campo eletromagnético com o objetivo de transferir dados entre dois objetos. Em outras palavras isso quer dizer mais ou menos o seguinte: basta colocar o aparelho no “case” para que a bateria do mesmo possa ser recarregada.

A calça foi exposta ao público oficialmente em Londres, durante a "London Collections: Men" na terça-feira, 24 de junho.

Por Denisson Soares

Cal?a recarrega celular

Foto: Divulgação


A empresa Microsoft nem lançou ainda os novos aplicativos do Windows Phone Store, mas eles já estão disponíveis no sistema operacional. São aplicativos como Maps, Google +, Hangouts e tantos outros. Contudo, todos esses serviços para o programa da Microsoft são falsos. A empresa pretende lançá-los em breve e, os aplicativos lá disponíveis na lojinha do Windows Phone não são de confiança. Desenvolvedores mal intencionados colocaram os aplicativos para serem baixados – e não são de graça, o usuário precisa pagar – mas todos são falsos. Sistemas como Android e iOS já têm os aplicativos, só que a Microsoft ainda vai apresentá-los.

Alguns especialistas em aplicativos colocaram os aplicativos disponíveis com o único objetivo: roubar dinheiro dos usuários desatentos. Tudo é muito parecido com o original. São os mesmos ícones de aplicativos usados para os sistemas Android e iOS, somente o Gmail que difere dessa gama, pois eles usam a imagem do Google Drive. O resto é tudo igual.

Os consumidores que não prestam atenção nos detalhes estão susceptíveis ao engano. Até mesmo as descrições dos aplicativos são semelhantes dos textos feitos pelo Google, até o cuidado de colocar a assinatura do Google eles tiveram.

No entanto, o usuário mais atento a essas situações de risco consegue enxergar pequenos erros. Primeiro que aplicativos ligados ao desenvolvedor Google nunca são cobrados e é provável que continue assim quando a Microsoft lançá-los na sua nova versão operacional do Windows Phone. Os aplicativos falsos cobram US$ 1,99 para o download.

Outro erro quase imperceptível é o nome de quem desenvolve. Os dispositivos falsos vêm com o nome “Google, Inc” o que leva a crer a boa procedência do serviço, contudo, se verificar no aplicativo oficial do Google o nome vai aparecer sem vírgula, será “Google Inc”.

O pior de tudo é que os aplicativos falsos ainda estão disponíveis para download na Windows Phone Store – a loja virtual da Microsoft – e enganando vários usuários. As empresas Google e Microsoft ainda não fizeram nenhuma declaração a respeito do caso. 

Por Carolina Miranda

Apps falsos na WP Store

Foto: Divulgação/Aline Jesus


A empresa americana Microsoft anunciou uma atualização no seu recém-adquirido aplicativo programa de mensagens e ligações Skype para aparelhos com sistema operacional Android.

Dentre as atualizações disponíveis, a mais promissora é a promessa de maior estabilidade que provocará incremento na qualidade das chamadas via Wi-Fi em smartphones com a plataforma do Google. Durante as chamadas, a tela de ligação permanecerá ativa enquanto o usuário disca um número, evitando a interrupção na conexão e o encerramento prematuro da chamada.

Por outro lado, a Microsoft também anunciou que passará a exibir anúncios publicitários dentro do aplicativo. Esse tipo de marketing ainda não está disponível, mas a empresa anunciou que os usuários com contas gratuitas do Skype receberão os anúncios já nas próximas semanas. Nada foi confirmado, mas usuários que pagam pelo serviço devem ficar livres dessa exibição dentro do programa.

Outro incremento trazido pela atualização é o suporte para novos idiomas. O Skype agora terá disponíveis 14 novas línguas, que prometem ampliar ainda mais o uso do aplicativo. São elas: tcheco, grego, húngaro, esloveno, romeno, turco, catalão, croata, letão, lituano, sérvio, eslovaco, vietnamita e ucraniano.

Desde que o aplicativo passou a ser o substituto oficial do MSN Messenger, essa é a primeira grande atualização que o serviço recebe.

Por Jorge Souza


A Microsoft lançou uma estratégia agressiva para conseguir ganhar usuários para tablets e smatphones com seu sistema operacional. A empresa de Bill Gates lançou uma promoção em que oferecia cupons no valor de US$ 200 por iPads, mas agora aumentou a oferta. A Microsoft oferece até US$ 350 por aparelhos com SO Android, BlackBerry, iPhone e iPads na compra de um novo aparelho com sistema operacional desenvolvidos pela Microsoft.

A estratégia foi chamada de Corporate Butback Program e está sendo feita juntamente com a Clover Wireless, uma empresa que atua na reciclagem de equipamentos eletrônicos.

Para ter direito ao benefício, o interessado deve entrar no site microsoft.cebuyback.com e realizar o cadastro. Os descontos são concedidos levando em consideração o aparelho e o grau de conservação. Há uma lista enorme dos aparelhos que podem participar do programa e incluem aparelhos da Motorola, Samsung, LG e demais concorrentes.

O usuário envia o aparelho para o Clover Wireless e a empresa envia um cartão pré-pago Visa para concretizar a compra de um novo modelo. A estratégia pode não ser bem vista, contudo a empresa utiliza o apelo sustentável como chamariz para adquirir novos públicos.

Por Robson Quirino de Moraes


O sistema para dispositivos móveis da Microsoft vem crescendo bastante, mas o Windows Phone ainda conta com alguns obstáculos bem grandes para conseguir chegar aos tão aclamados Android e iOS. Um dos principais e talvez um dos maiores desafios, sem duvidas é a disponibilidade de aplicativos que o Windows conta com o Market Place.

O número de aplicativos que os desenvolvedores disponibilizam para usuários de Windows Phones ainda é muito pequeno perto dos seus principais concorrentes. Recentemente a Microsoft divulgou o número oficial de aplicativos, que gira em torno de 145 mil. Esse número demonstra uma grande queda no número de app da Market Place e piora muito os problemas do novo OS da Microsoft, que conta com uma concorrência muito grande da Play Store e da AppStore.

Porém, esse numero tem a grande chance de crescer muito durante os próximos meses, principalmente pelo grande sucesso em que a fabricante Nokia vem fazendo com seus celulares mid-end e low-end que apostam no sistema operacional Windows 8, dessa forma, quanto mais usuários do OS da Microsoft mais os desenvolvedores irão ver um mercado promissor para o Market Place.

Por Henrique Nicolau


Atualmente os aparelhos com resolução Full HD estão em alta no mercado e para tornar o Windows Phone 8 compatível com estes tipos de aparelhos, a Microsoft decidiu lançar, até o final deste ano, uma atualização para a plataforma.

Se realmente a notícia for verdadeira, as fabricantes poderão lançar aparelhos com telas de 5 polegadas e definições muito mais altas do que as existentes atualmente. Hoje, o Windows Phone 8 suporta apenas resolução HD.

A informação partiu do site The Verge, que ainda afirmou que a atualização se chamará General Distribution Release e terá suporte aos novos processadores quad-core da Qualcomm. Desta forma as companhias poderão lançar aparelhos com Windows Phone de alta performance e muito mais potentes para poder concorrer com os top de linha do mercado, como o HTC One e o Samsung Galaxy S4, por exemplo.

Ainda que a atualização traga grandes melhorias aos aparelhos com Windows Phone 8, ela não transformará a plataforma móvel da Microsoft em um Windows Blue, a nova versão do sistema operacional da companhia que está sendo desenvolvida e poderá ser lançada no início de 2014.

Por Felipe Santos Bonfim


Todos já sabem que o mercado de smartphones é um setor que possui uma concorrência elevada e, por isso, com a entrada da Microsoft  a disputa pela terceira colocação se intensificou.

Em primeiro lugar no mercado de smartphones está o Android, sem dúvida, pois possui inúmeros aparelhos que rodam a plataforma. Conforme dados do Instituto Gartner sobre o último trimestre de 2012, o SO da Google tem 69,7% do mercado. Já o segundo colocado é o iOS, que detém 20,9%. Se compararmos com o estudo anterior, o Android cresceu 18,4% e o iOS caiu 2,7%.

Já na terceira posição, apesar de todos os problemas financeiros que ocorreram, está a BlackBerry (antiga RIM), com 3,5% de fatia no setor de smartphones. Essa colocação começou a ser bem cobiçada pela Microsoft, que entrou com força no mercado com o lançamento dos Windows Phone 8 e isso garantiu a quarta colocação para a companhia com 3% do mercado.

Esses dados mostram que a Microsoft começou a brigar pela terceira posição, pois já está muito perto da BlackBerry – que acabou de retornar com os investimentos no setor de celulares inteligentes com o lançamento do seu novo sistema operacional.

Assim, é nítido que o início deste ano será de grande disputa entre BlackBerry e Microsoft, porque será necessário muito investimento para conquistar cada vez mais o mercado ao invés de perdê-lo.

Agora só nos resta ver e aproveitar essa disputa, tendo em vista que isso pode trazer bons “frutos” para os consumidores.

Por Guilherme Marcon


Parece que a Microsoft está investindo bastante para poder alavancar o sucesso de sua plataforma móvel.

A nova ideia da companhia foi contratar diversos desenvolvedores de aplicativos para o iOS da Apple para participar de um evento realizado em sua sede em Mountain View, nos Estados Unidos. A companhia conseguiu passar uma excelente impressão para todos os desenvolvedores que estiveram presentes no encontro.

Segundo o MIT Technology Review, os desenvolvedores de aplicativos para a plataforma da Apple gostaram bastante do que lhes foi apresentado e se mostraram bastante interessados em colocar seus títulos de sucesso na loja de aplicativos do Windows Phone.

Tim Burks, o homem que ajudou na articulação com os desenvolvedores no Vale do Silício e também fundou sua companhia própria neste mercado, disse ao MIT Technology Review que está muito impressionado com todo o cuidado que a Microsoft está tendo com suas ferramentas e com o suporte que ela oferece aos desenvolvedores do Windows Phone 8.

Tim ainda brincou e disse que a Apple e a Microsoft oferecem um excelente material e um ótimo ambiente para que seus desenvolvedores de aplicativos para plataformas móveis poderem trabalhar, e isso agrada bastante.

Por Felipe Santos Bonfim


O site BGR confirmou no início de setembro que a Microsoft estava produzindo seu próprio smartphone. Na última sexta-feira, dia 2 de novembro, saiu um novo relatório com mais detalhes e informações sobre o novo aparelho, que marcará de uma vez por todas a entrada da companhia no mercado de smartphones.

Segundo o jornal The Wall Street Journal, Steve Ballmer estaria testando junto com sua equipe os novos dispositivos em algumas regiões do continente asiático.

O site BGR ainda afirma que todos os testes não estão sendo feitos apenas na Ásia, segundo eles, os aparelhos estão em fase de teste em outros continentes também. De acordo com a publicação do site, pessoas de dentro e de fora da empresa nos Estados Unidos já estão testando o novo smartphone da Microsoft.

Até o momento não há nenhuma informação sobre quando será lançado o aparelho, muito menos o valor que ele custará no varejo. No que diz respeito às configurações, a única informação é que o modelo poderá ter tela de 5 polegadas, especificação bem semelhante ao que vem sendo oferecido pelas principais parceiras da Microsoft, Samsung, HTC e Nokia.

Por Felipe Santos Bonfim


Mais uma novidade interessante chegou ao mundo dos celulares, pois novas informações estão sendo veiculadas na internet sobre o novo Windows Phone 8.

Esta inovação consiste em um sistema operacional móvel desenvolvido pela Microsoft e que estará disponível em todo o mundo a partir do dia 01 de outubro de 2012. Neste dia, deverão ser lançados os primeiros modelos de smartphones com o sistema operacional.

Segundo o site de notícias Neowin, a Microsoft (proprietária deste novo sistema operacional para telefones móveis) já teria enviado alguns celulares com o novo sistema operacional para seus melhores desenvolvedores, que teriam a missão de criar aplicativos para o Windows Phone 8 em smartphones que funcionavam com o Windows Phone 7.

Apesar de todos estes rumores, a Microsoft não se manifestou sobre o assunto, mas informou que entre os possíveis aparelhos móveis equipados com o novo sistema estão modelos das marcas Sony, Nokia e Samsung.

Deste modo, para aqueles que gostam de novidades e tecnologias adicionais, em pouco tempo estarão disponíveis para compra aparelhos com o novo sistema da empresa de Bill Gates.

Por Ana Camila Neves Morais


Há algum tempo a Microsoft revelou novos parceiros que adotarão o sistema operacional Windows Phone 7 em seus smartphones. Entre elas está a ZTE, que teve seu primeiro modelo com o sistema móvel da companhia americana revelado. Infelizmente não há maiores detalhes, pois o aparelho aparece num vídeo curto entre outros dois novos smartphones com WP7 da Acer e Fujitsu.

E outro modelo que chamou a atenção nesse vídeo foi o da Samsung. O smartphone parece ser nada mais que uma variação do Galaxy S II, o modelo top de linha da fabricante coreana, lançado há pouco tempo no Brasil. Com isso está praticamente confirmado o rumor de que a Samsung lançará mesmo esse aparelho rodando o Windows Phone 7. Só resta saber quando isso acontecerá.

Recentemente a Samsung divulgou que o smartphone Galaxy S II teve vendas excelentes. Em menos de dois meses o aparelho vendeu 3 milhões de unidades. E olha que ele ainda nem desembarcou no mercado americano. Uma versão do smartphone com o Windows Phone 7 poderia ser um bom motivo para elevar as vendas do sistema operacional móvel da Microsoft.

Por Maximiliano da Rosa

Fonte: Engadget


A Microsoft acaba de lançar um ótimo para usuários do iPhone e iPad. O aplicativo chama-se  e promete auxiliar os usuários na criação de imagens panorâmicas.

O aplicativo funciona utilizando um método de captura interativa, ele captura o conjunto de imagens de um determinado ambiente e cria uma imagem em 360° do ambiente.

O Photosynth também permite visualizar a fotografia panorâmica imersiva e salvá-la no site do aplicativo (www.photosynth.net).

Apesar disso, o aplicativo falha quando o assunto é compartilhamento das fotos. Ele não permite que usuários possam compartilhar as fotos no Facebook, muito menos enviá-las para outros usuários.

O aplicativo é compatível com a versão IOS 4 para iPad, iPhone ou iPod Touch.

Mais informações do aplicativo podem ser encontradas no site do iTunes.


Há muita preocupação com o futuro da maior fabricante de celulares do mundo. Numa entrevista à Reuters o CEO da Nokia teve que dar explicações e desmentir os rumores de que a Microsoft pretende comprar a empresa finlandesa. Para quem não sabe, Stephen Elop é ex-funcionário da empresa que criou o Windows.

Elop admitiu que está sob pressão para lançar um smartphone com Windows Phone 7 ainda este ano. E isto até pode ocorrer, mas a previsão é que o primeiro modelo deve sair apenas em 2012. Além disso ele informou que neste momento há uma equipe trabalhando no desenvolvimento de um aparelho com o sistema da Microsoft.

Apesar de ser líder no mercado de celulares, as vendas da Nokia consistem de modelos básicos. Já no segmento de smartphones a empresa tem tido dificuldades em se firmar nos Estados Unidos, e enfrenta a forte concorrência do iPhone e do Android.

Por Maximiliano da Rosa


Uma guerra está em curso no mercado de smartphones. E como num sonho apocalíptico parece que o mundo vai ser dominado por um exército de Androids. Diante deste cenário, uma das maiores empresas de software do mundo, a Microsoft resolveu jogar duro e pagou a fortuna de 1 bilhão de dólares para manter a maior fabricante de celulares do mundo, a Nokia, longe dos robozinhos do Google.

Brincadeiras à parte, o que fez a Nokia abrir mão de adotar o Android como seu ecossistema alternativo foi mera e simplesmente o dinheiro da Microsoft. E isso, convenhamos, a empresa americana tem de sobra. Segundo o site Bloomberg o negócio deve durar 5 anos. A previsão é que o primeiro, ou os primeiros, smartphones Nokia rodando o Windows Phone 7 surjam ainda em 2011.

Além do Google e do seu batalhão de robozinhos verdes, a dupla Nokia/Microsoft também precisará enfrentar a Apple e seu exército de um homem só chamado iPhone.

Por Maximiliano da Rosa

Fonte: BusinessWeek


A Nokia acaba de anunciar um acordo com a Microsoft em uma “ampla parceria estratégica” para não só levar a plataforma Windows Phone 7 para seus smartphones, mas também um conjunto de softwares, que incluem o serviço de buscas Bing, mapas, além de Xbox Live e Office.

O Nokia Maps será integrado aos serviços de mapeamento da Microsoft, enquanto a loja de conteúdos da Nokia será absorvida pela Microsoft Marketplace.

Este é um movimento muito estratégico para a Nokia, reconhecida pela qualidade de seu hardware, mas que tem sido alvo de muitas críticas por seu sistema operacional Symbian se encontrar bastante defasado em relação aos concorrentes.

Por A. Garcia

Fonte: Download Squad


O Windows Phone 7, sistema operacional para celulares inteligentes da Microsoft, vendeu mais de 2 milhões de unidades somente no último trimestre de 2010. O programa foi lançado em outubro de 2010 e com poucos meses de mercado já alcançou todo este sucesso.

Porém o iPhone, Android e o Google ainda são os campeões de vendas. Por isso, a empresa está se empenhando para aprimorar a cada dia as ferramentas do sistema, que atualmente conta com uma plataforma com mais de 6.500 aplicativos disponíveis para download na loja on-line da Microsoft.

O caminho ainda é longo pois a Apple divulgou que 16,2 milhões de iPhones haviam sido vendidos no último trimestre e o Google, que optou por distribuir gratuitamente o sistema desenvolvido por eles para fabricantes de aparelhos, afirmou que 300 mil dispositivos Android são comercializados diariamente.

Por Vivian Fiorio


A tecnologia realmente é algo fantástico e sem limites, de tempos em tempos há sempre novidades capazes de deixar qualquer um de queixo caído.

Com um novo avanço, a Microsoft apresentou neste mês um novo projeto que contempla uma nova maneira de utilizar uma tela touch screen, só que desta vez o modelo é tátil, ou seja, permite que o usuário sinta texturas.

A nova tecnologia envolve a utilização de células de plástico, que alternam de forma e a textura. Mas não é tão nova assim, pois existem tecnologias parecidas que estão sendo desenvolvidas pela Nokia e Senseg. No entanto teremos que aguardar para ver quem sairá ganhando nessa disputa.

Juliana Alves


A Microsoft acaba de revelar que está enviando milhares de protótipos de smartphones da LG, Samsung e Asus com o sistema Windows Phone 7 para as mãos do desenvolvedores ao longo das próximas semanas.

Isso permitirá que esses profissionais tenham acesso ao que há de melhor em matéria de ferramentas para criar aplicativos para essa plataforma. E, ao invés de usar emuladores, desenvolvedores poderão testar os aplicativos criados diretamente nos aparelhos, acelerando o processo de desenvolvimento.

A Microsoft aproveitou para revelar um espécie de “preview técnico” dos aparelhos, permitindo que tenhamos uma ideia de como serão esses Windows Phones. O modelo da Asus é compacto, tem um design simples e possui duas câmeras, insinuando uma tendência iniciada pelo iPhone 4. O modelo da Samsung também é compacto e possui alguns detalhes cromados. Já o modelo da LG é do tipo slider.

A Microsoft disse que ainda tem muito trabalho a fazer e não informou quando os primeiros smartphones com o WP7 estarão no mercado.

Por Maximiliano da Rosa


Durante uma conferência em Nova Orleans, nos Estados Unidos, a Microsoft apresentou oficialmente seu novo sistema operacional para smartphones, o Windows Phone 7. E a intenção da empresa ficou clara: ela quer ganhar espaço no ambiente empresarial.

E quem não quer? A Apple também não poupou esforço e encheu seu sistema iOS 4 de recursos corporativos. A Nokia é outra que deseja avançar dentro das empresas. Mas não podemos esquecer que quem domina esse mercado ainda é a RIM, com o BlackBerry.

Isso sem falar em todos os smartphones com o Android embarcado que chegam a cada dia.

A Microsoft diz ter uma carta na manga: eles apostam na integração de seus aplicativos de escritório como Office com suas versões para smartphone. Como a presença de programas como o Word e Excel é grande nas empresas, é possível que muitas companhias acabem optando por aparelhos com o Windows Phone 7 justamente para não ter que fazer investimentos extras.

Por Maximiliano da Rosa

Fonte: ComputerWorld


Os proprietários de aparelhos Nokia E52 e E72, poderão, a partir desta quarta-feira, 05 de maio, na loja Ovi, da Nokia, realizar o download do programa criado em parceria com a Microsoft, o Communicator Mobile, apresentado no mesmo dia pelas empresas.

O novo programa permite uma comunicação entre os usuários através de mensagens instantâneas, de texto, telefônicas e até e-mails. Além disso, é possível verificar se a pessoa que se pretende contatar está disponível, tudo isto através do acesso ao Microsoft Communications Server 2007 R2.

A Nokia e a Microsoft se uniram em agosto de 2009 e pretendem lançar o pacote Office para os aparelhos da Nokia até o final de 2010.

Fonte: Folha, G1 e IDG Now

Por Elizabeth Preático


Ainda não foi desta vez que a Microsoft apresentou o Windows Phone 7, embora a interface dos seus smartphones recém-lançados até tenham alguma semelhança com o futuro sistema. Chamados de Kin One e Kin Two, os smartphones são focados nas redes sociais e no público jovem. Com eles é possível compartilhar vários tipos de conteúdo, incluindo feeds de várias origens.

Os pontos fracos são muitos. Os dois modelos não tem design muito atraente. Também não possibilitam acesso a redes de mensagens instantâneas. E não contam muito menos com um simples calendário.

Apesar disso, a Microsoft aposta tudo num recurso muito interessante: a capacidade que os telefones tem de integrar suas câmeras a um portal na Internet, o Kin Studio. Com ele é possível fazer o compartilhamento de todo o conteúdo gerado no aparelho. Não apenas fotos, mas mensagens e chamadas. É como se fosse uma espécie de backup online.

Por Maximiliano da Rosa

Fonte: itWeb.


Muita gente estranhou o lançamento do Buscador Bing da Microsoft para iPhone tempos atrás. A questão é: não é de hoje que a Microsoft lança versões de aplicativos para plataformas da Apple. Poucos sabem que o Internet Explorer tem versão para Mac, e que o Word foi lançado também no MacOs antes mesmo do que no Windows.

Se é assim, então o que fez a Microsoft retirar o Bing do site da Apple? Alguma estratégia de marketing? Possivelmente.

Um porta-voz da Microsoft esclareceu a situação afirmando que a medida foi tomada porque a empresa pretende lançar versões distintas para cada país. Portanto, só a versão americana continuará disponível no site.

Outras fontes comentam que o Google estaria pronto para substituir o motor de busca da Microsoft em breve.

Por Maximiliano da Rosa





CONTINUE NAVEGANDO: