Objetivo da empresa é melhorar a qualidade dos aplicativos para Windows Phone e facilitar a vida dos desenvolvedores que querem criar versões de seus aplicativos para o sistema da Microsoft.

Não é segredo para ninguém que a Microsoft sofre com o desleixo dos desenvolvedores com o Windows Phone, que acaba por não receber boa parte dos aplicativos, além de que, quando recebe, acaba por receber uma versão que não é completamente adaptada ao seu sistema. Para tentar dar fim a isso, a empresa anunciou que comprou a Xamarin, empresa que trabalha com o compartilhamento e criação de apps compatíveis diretamente com iOS, Android e Windows Phone.

Ao adquirir a empresa que está presente em mais de 120 países com 15.000 desenvolvedores, a empresa certamente dá um enorme passo rumo a finalmente ver as empresas se empenhando para trazer os apps para o Windows Phone. O Xamarin trabalhava compartilhando códigos que fossem iguais ou comuns a ambos os sistemas operacionais, facilitando a vida dos desenvolvedores que desejam lançar seus aplicativos para os 3 sistemas, entregando um produto completamente nativo e não simplesmente remendado ou mal feito.

A Microsoft já possuía para esses desenvolvedores o Visual Studio, que agora não se sabe se funcionará de maneira integrada com o Xamarin, mas é fato que com as duas ferramentas, deveremos ver cada vez mais apps vindo para o Windows Phone, ao menos é essa a expectativa por parte dos usuários hoje.

Além do serviço para poder trazer os aplicativos de forma nativa aos sistemas, a empresa ainda conta com outra ferramenta que pode ser extremamente útil, o Xamarin Test Cloud, que pode melhorar a qualidade de aplicativos já disponíveis, por meio da nuvem.

O que facilita a vida dos desenvolvedores em todo esse processo é o fato do Xamarin utilizar o .NET e a linguagem #C para criar APIs completamente nativas para os sistemas operacionais mobiles, seja ele o iOS, o Android ou o Windows Phone.

Os usuários da empresa particularmente estão esperançosos para contar com mais aplicativos disponibilizados para seu sistema, embora isso não seja certo, é realmente um fato que a tendência é que ocorra, já que com uma grande empresa no comando, os investimentos serão ainda maiores, garantindo que o antigo Xamarin possa oferecer qualidade e facilitar ainda mais os desenvolvedores.

Por Isis Genari


Project Islandwood permite adaptar aplicativos disponíveis apenas para o iOS para o Windows Phone.

Um dos maiores, senão o maior problema atualmente do Windows Phone, é a falta de aplicativos disponíveis para o sistema, possivelmente pelo fato de apenas 1% do mercado ser de Windows Phones, número que era maior, mas sofreu uma queda de 57% no último ano.

A questão é que não é simples adaptar um app para um outro sistema, sendo um processo que pode levar meses, o que afasta as empresas do sistema, já que muitas vezes, pode parecer pouco lucrativo perder tanto tempo com apenas 1% dos usuários.

Agora, para acabar ou ao menos reduzir esse problema, surge o Project Islandwood. O Projeto da Microsoft faz com que seja possível adaptar aplicativos disponíveis apenas para o iOS para o Windows Phone em apenas alguns minutos, o que pode aumentar o interesse das empresas em adaptar seus aplicativos ao sistema da Microsoft.

Por outro lado, embora a ideia trazida pelo Project Islandwood, seja ótima e deve trazer benefícios para os usuários do Windows Phone, o projeto, mesmo adaptando os aplicativos para o sistema, acaba por usar o mesmo pacote visual do iOS, no Windows Phone, o que não é uma notícia muito boa para os usuários, já que isso pode acabar gerando alguns problemas, como ícones desproporcionais e dificuldade para acessar algumas funções dentro do app.

A Microsoft também possuía em mente outro projeto, o Project Astoria, que visava trazer os apps do Android para o sistema, mas acabou sendo abortado, o que não deve mudar muito o cenário, já que a maior parte dos aplicativos do Android também estão disponíveis no iOS.

Um exemplo de uso do Project Islandwood, é um desenvolvedor que resolveu adaptar, por meio do projeto, o jogo Canabalt, do iOS, para o Windows Phone, e conseguiu isso em apenas 5 minutos, uma excelente notícia para os desenvolvedores.

Como dito, porém, infelizmente apenas a adaptação de apps para o Windows Phone, não deve resolver todos os problemas do sistema ou aumentar muito sua atratividade, é claro que existe um impacto muito positivo, mas o sistema da Microsoft ainda sofre com questões como atraso no lançamento de atualização, como a do Windows 10 Mobile, que deveria ter ocorrido no final do ano passado e só deverá chegar de fato, no final de Fevereiro.

Por Isis Genari

iOS e Windows

Foto: Divulgação


Ferramenta possibilita que usuários com Windows 10 possam transformar o smartphone em computador.

Os adeptos do Windows Phone costumam comentar que o sistema operacional mobile da Microsoft é bom, rápido e funcional, porém carece de bons e variados aplicativos em sua loja. A Play Store, do Google, por exemplo, tem milhares de apps em apenas uma categoria. Já a Windows Store, apesar de ter bons produtos, não oferece a mesma variedade.

Mas quem pensa que a marca norte-americana não se importa com seus usuários de smartphones, engana-se. Durante a BUILD 2015, evento de tecnologia organizado pela própria Microsoft, a marca revelou um novo recurso que pode facilitar a vida de seus usuários: é o Continuum.

A princípio, seu recurso pode parecer básico, sem muita utilidade, pois o que o Continuum faz é transformar o smartphone em um pequeno computador, adicionando teclado e mouse para os dispositivos que possuem seu sistema operacional. Isso significa que agora os usuários de Windows Phone 10 poderão utilizar seus dispositivos conectados a monitores e aparelhos de televisão com HDMI.

Esse recurso faz com que, além dos aplicativos poderem ser executados com uma resolução maior, reproduzindo em telas como essas, também seja possível utilizá-los como se estivesse mexendo realmente no computador.

Porém, para que o usuário entenda perfeitamente, a Microsoft deixa claro que esse recurso não é disponível para qualquer aplicativo que use Windows Phone. Ele é restrito para os apps multiplataforma, ou seja, aqueles que rodam tanto em computadores como em dispositivos móveis (tablets e smartphones).

Pode parecer simples, mas esse novo recurso introduz um novo jeito na tecnologia, deixando-a mais acessível. Assim, os usuários poderão editar textos e imagens com ainda mais facilidade e rapidez, itens fundamentais no mundo corrido de hoje.

Agora resta saber quando sua maior rival, a Apple, lançará recursos parecidos para iPhones e computadores que utilizem seu sistema operacional e também se o fará de graça ou em versão paga, como a maioria de seus aplicativos e recursos.

Por Felipe Villares

Continuum

Foto: Divulgação


Os usuários do sistema operacional Windows Phone em aparelhos Lumia receberam diversas novidades recentemente. Dentre elas, a atualização do app Netflix, que agora conta com uma interface muito mais elaborada, e a atualização do Glance, que permite ver notificações na tela de espera sem precisar acender o visor do smartphone.

No entanto, a grande novidade é um aplicativo que entrou para a loja chamado Gestures Beta. Como o próprio nome diz, ainda é uma versão de teste, porém o intuito é muito bom.

O aplicativo pretende utilizar os sensores de movimento, localização e de proximidade já disponíveis nos aparelhos para fornecer novas funcionalidades para os usuários. É possível configurar quais opções o usuário pretende ativar nas configurações do app.

Dentre as opções disponíveis estão:

Silenciar chamadas recebidas quando colocar o telefone virado para baixo em uma superfície: essa função permite que seja ativado o modo silencioso do aparelho sem precisar tocar em alguma opção.

Nesse caso, basta colocar o smartphone virado com a tela para baixo em uma superfície plana que ele entenderá que você quer ativar o modo silencioso. Isso é muito útil em locais em que é necessário que o telefone esteja no silencioso, porém não é permitido ativá-lo.

– Atender as chamadas recebidas quando eu colocar o telefone na orelha: como a própria opção diz, o sensor de proximidade identifica que o telefone foi colocado na orelha e então a chamada é atendida, sem precisar tocar em “Atender”.

O funcionamento é semelhante ao fato da tela do aparelho apagar quando ele está em conversação e posicionado na orelha.

Ativar/desativar modo viva-voz quando, durante uma chamada, eu colocar o celular virado para cima em uma superfície ou colocá-lo de volta na orelha: durante uma chamada, basta colocar o aparelho sobre uma superfície plana com a tela virada para cima, que o viva-voz será logo ativado. Para desativar o modo, basta colocá-lo de volta na orelha.

Silenciar o microfone quando, durante uma chamada, eu colocar o celular virado para baixo em uma superfície: durante a ligação, quando quiser falar com alguém ou fazer algum barulho e não quiser que o contato escute do outro lado, basta colocar o telefone com a tela virada para baixo que o microfone será logo desativado. Basta tirá-lo da posição que o modo será desativado.

O Gestures beta já está disponível gratuitamente na Windows Phone Store.

Por Rannier Ferreira Mendes

Foto: divulgação


Conhecida por não dar muito suporte aos usuários ou até mesmo por não contar com os aplicativos mais requisitados, a loja do Windows Phone vem passando por grandes mudanças.

Um grande exemplo foi a disponibilidade recente o jogo Candy Crush Saga, que até então não tinha sua versão para o sistema operacional, mesmo já existindo há 2 anos para Android e iOs e sendo um dos jogos mais populares em smartphones.

Porém, a grande atenção dessa semana foi para o app da Netflix. O serviço é o maior fornecedor de filmes e séries via streaming do mundo e não tinha uma versão decente disponibilizada para os usuários do Windows Phone.

Dentre as maiores queixas, era que a versão antiga não tinha a opção de selecionar qual usuário da conta estava sendo utilizado (para o caso de múltiplos pontos e consequentemente usuários em uma mesma conta). Isso fazia com que o histórico de filmes acessado fosse registrado em contas de outros usuários.

Com a atualização, agora é possível selecionar quem está utilizando o aplicativo no aparelho e ter um melhor controle sobre o histórico de navegação, as preferências, sugestões e listas de reprodução.

Outra grande mudança foi nos blocos dinâmicos (ícones dos aplicativos presentes na tela inicial do sistema operacional, semelhante aos utilizados a partir do Windows 8 para PC), que agora exibem imagens dos últimos filmes ou séries assistidos dentro do aplicativo.

Além das mudanças e renovação no design, que já existiam no Android e no iOS, os usuários do sistema operacional da Microsoft ainda contarão com a possibilidade de integrar o app à assistente virtual Cortana.

Mesmo disponível apenas em inglês no momento, é possível utilizar a assistente no Brasil, caso o idioma do aparelho seja selecionado como Inglês; claro, para isso é necessário que o usuário seja um falante do idioma.

Dentre as funções conectadas entre a Cortana e o app Netflix, é possível dizer à assistente para procurar por um filme específico, por exemplo, tirando a necessidade de abrir o aplicativo e digitar o nome da obra na caixa de pesquisa.

Por Rannier Ferreira Mendes

Foto: divulgação


A Microsoft começou neste ano a distribuir a tão esperada atualização para os smartphones que utilizam o sistema operacional Windows Phone da empresa. Trata-se do WP 8.1, disponibilizado para todos os aparelhos que já executavam o Windows 8, o que excluiu apenas o Nokia Lumia 710 dos mais conhecidos smartphones com Windows no mercado brasileiro.

Com a atualização, vieram diversas melhorias, como a presença de uma Central de Notificações, capaz de reunir novas informações sobre mensagens, ligações e alertas de aplicativos instalados, assim como fixação de atalhos para as configurações mais acessadas, como Wi-Fi, brilho da tela, travar rotação, modo avião, entre outras que podem ser personalizadas pelo usuário.

Esteticamente, o novo sistema operacional permite que sejam colocadas três colunas de aplicativos na tela inicial para aparelhos de tela grande, além da inserção de uma imagem como plano de fundo dessa tela inicial. Mesmo disponível apenas em inglês no momento, a atualização trouxe a assistente virtual Cortana, baseada em uma personagem de inteligência artificial da franquia de jogos Halo, pertencente à Microsoft, que pode ser instalada em aparelhos no Brasil se for alterada a região nas configurações do smartphone.

Já há algum tempo, a empresa lança versões para desenvolvedores dos programas e sistemas operacionais, o que permite que alguns usuários utilizem as novidades antes do lançamento oficial, com intuito de dar um feedback para a empresa de possíveis erros e melhorias necessárias.

 A última atualização para a versão de desenvolvedores do sistema operacional para dispositivos móveis foi o Windows Phone 8.1.1 14203, que trouxe como grande novidade a possibilidade de instalar atualizações do sistema em cartões MicroSD para os aparelhos que contam com essa função. Essa é uma função bastante útil para os aparelhos das linhas iniciais da marca, que contam com apenas 4 GB ou 8 GB de memória de armazenamento, já que os usuários são forçados a desinstalarem aplicativos ou excluírem dados para conseguirem atualizar seus aparelhos.

Outra novidade é a possibilidade de visualizar a porcentagem de bateria restante em tempo real na live tile do aplicativo, assim como fixar esse app na Central de Notificações. Essa é uma versão de teste e ainda não possui data de quando será distribuída oficialmente para os usuários.senvolvedores dos programas e sistemas operacionais, o que permite que alguns usuários utilizem as novidades antes do lançamento oficial, com intuito de dar um feedback para a empresa de possíveis erros e melhorias necessárias.

 A última atualização para a versão de desenvolvedores do sistema operacional para dispositivos móveis foi o Windows Phone 8.1.1 14203, que trouxe como grande novidade a possibilidade de instalar atualizações do sistema em cartões MicroSD para os aparelhos que contam com essa função. Essa é uma função bastante útil para os aparelhos das linhas iniciais da marca, que contam com apenas 4 GB ou 8 GB de memória de armazenamento, já que os usuários são forçados a desinstalarem aplicativos ou excluírem dados para conseguirem atualizar seus aparelhos.

Outra novidade é a possibilidade de visualizar a porcentagem de bateria restante em tempo real na live tile do aplicativo, assim como fixar esse app na Central de Notificações. Essa é uma versão de teste e ainda não possui data de quando será distribuída oficialmente para os usuários.

WP 8.1

Foto: Divulgação


Com o acesso em massa a smartphones e tablets, o número de vídeos produzidos e enviados para a internet aumentou consideravelmente nos últimos anos. E com isso os serviços de hospedagem de vídeos como YouTube, Vimeo, Instagram, Vine, entre outros, ganharam bastante relevância.  

Junto a isso, os aplicativos de edição de vídeos para smartphones e tablets cresceram assustadoramente. Seja qual for o sistema operacional de seu eletrônico (Android, iOS ou Windows Phone) você terá diversas alternativas de apps para editar suas cenas. Para ajudá-lo a escolher bons aplicativos para editar seus vídeos, elaboramos uma lista com três opções para seu aparelhos iOS, Android ou Windows Phone.  

Para iOS, iMovie:

Este é o software de edição de vídeos da Apple, feito sob medida para os usuários de iPhone, iPod ou iPad. Ele permite que os usuários façam uma edição bastante profissional, podendo inserir músicas, texto, entre outros efeitos visuais bastante interessantes. Por meio do iCloud é possível ter suas edições em todos os dispositivos Apple.  

Ao final da edição é possível compartilhar a criação em diversos serviços de streaming de vídeos, além das redes sociais como o Facebook.

O iMovie está disponível na App Store por US$ 4,99.  

iMovie

Para Android, Video Maker Movie Editor:

O Video Maker é um dos editores de vídeos mais conhecidos no universo Android. Ele possui ferramentas poderosas de edição que certamente serão bastante agradáveis para os usuários. Assim como o iMovie é possível compartilhar suas criações em redes sociais e plataformas de streaming de vídeos como o YouTube. Com ele é possível cortar partes do vídeo ou dividi-lo em várias partes. O usuário também pode realizar a adição de efeitos de vídeo, deixando as criações com uma aparência mais profissional. Adicionar imagens, músicas de fundo e exportação de arquivo em HD também estão presentes na aplicação.

O Video Maker Movie Editor está disponível gratuitamente na Google Play.  

Video Maker Movie Editor

Para Windows Phone, Movie Creator Beta:

Esta é a versão do editor de vídeos do Windows Phone feito pela própria Microsoft. Objetividade e simplicidade são as características principais do aplicativo. Tenha a certeza que você não se sentirá perdido ao utilizá-lo. Com apenas alguns simples passos, é possível escolher um trecho, um tema e completar a edição com uma música e título. Com o Movie Creator Beta é possível aplicar filtros, mudar a ordem das cenas, editar a duração da produção, rotacionar, inverter, inserir moldura, entre outras funcionalidades. Como os outros ele permite o compartilhamento da produção diretamente no aplicativo.

O app funciona apenas com Windows Phone 8.1 e está disponível gratuitamente na loja oficial da Windows Phone Store.

Movie Creator Beta

Fotos: Divulgação

Por William Nascimento


A Microsoft está ganhando espaço no mercado de smartphones com o lançamento de aparelhos cada dia mais atualizados e equipados. Assim como o iOS e o Android, o Windows Phone possui uma loja de aplicativos, disponibilizando os mais diversificados apps para os usuários.

A seguir está uma lista dos aplicativos mais úteis para quem quer tirar melhor proveito de seu smartphone:

1- Instagram

Esse app é para aqueles que adoram compartilhar seus melhores momentos em forma de fotos e vídeos com seus amigos e seguidores, possuindo uma interface simples de usar.

2- Facebook

Sem dúvida alguma, o Facebook é a maior rede social do momento. Com o aplicativo, o usuário pode acessar diretamente sua conta a partir do seu smartphone, sem precisar usar um computador. É possível atualizar seu status, postar fotos e vídeos, assim como curtir e comentar as postagens de seus amigos.

3- Lumia Camera

Esse é um aplicativo exclusivo para os smartphones que executam Windows, permitindo que o usuário opere uma verdadeira câmera profissional com seu smartphone, tornando as opções de foto totalmente personalizáveis e com diversos recursos interessantes.

4- Lumia Creative Studio

Ótimo aplicativo para edição de fotos. Nele é possível adicionar filtros, cortar, alterar o foco, os níveis de cores, balanço e luz, transformando sua foto numa verdadeira obra de arte.

5- Twitter

Essa é outra famosa rede social que o usuário pode mantê-la na ponta dos dedos. Com o aplicativo, é possível fazer sua famosa postagem de 140 caracteres de onde estiver, assim como ler o que seus amigos postaram.

6- Netflix

O Netflix é o serviço de streaming de filmes e séries mais utilizado no mundo. Para utilizá-lo, basta ter uma conta no site, que pode ser a mesma usada em outros aparelhos, como PC, tablet, Smart TV ou Home Theather; basta ter a quantidade de pontos suficientes para acessar simultaneamente sua conta em diferentes dispositivos.

7- Skype

O Skype é o serviço de videoconferências e chamadas telefônicas da Microsoft. O aplicativo funciona 100% nos aparelhos Lumia, inclusive sendo possível integrar seus contatos do Skype com sua agenda muito facilmente.

Por Rannier Ferreira Mendes

Foto: divulgação


O longo relacionamento entre a Microsoft e a Nokia foi complicado desde o início, quando envolveu apenas uma parceria onde a marca de celulares era responsável por peças de hardware, e que acabou se desenvolvendo para a compra, por parte da Microsoft, do setor de fabricação de celulares da marca finlandesa no que pareceu ser uma separação bastante acirrada. Após vários boatos aparecerem e serem desmentidos por ambas as empresas, parece não ser mais segredo sobre quem vai tocar o barco para a fabricação de peças para os Windows Phones daqui para frente. Os aparelhos passarão a ser chamados apenas de “Microsoft Lumia”.

A fase de reformulação da marca vai começar na França, com a mudança já acontecendo nas páginas das redes sociais da marca naquele país, onde o “Microsoft Lumia” já vai substituir a marca antiga. Porém, a decisão da Microsoft de deixar a marca Nokia não significa que esta vai deixar de existir. Ela continua como uma empresa à parte, porém sem o segmento de telefones celulares, ficando voltada apenas para serviços de mapeamento e infraestrutura de redes.

A partir da França, a gigante dos softwares para computadores prosseguirá com a mudança nos aparelhos ao redor do mundo, modificando as peças dos aparelhos (ainda não se sabe se no corpo dos novos dispositivos virá “Microsoft”, “Lumia” ou “Microsoft Lumia” no lugar de onde aparecia “Nokia”), redes sociais e propagandas, online e fisicamente.

A mudança na nomenclatura dos aparelhos já era esperada há meses, quando surgiu o primeiro boato de que a Nokia seria extinta, e o nome “Lumia” faz sentido uma vez que era exclusivo para os dispositivos que vinham com o sistema operacional Windows instalado.

Agora é aguardar o grande impulso que a Microsoft deve dar aos aparelhos, na tentativa de fixar o novo (antigo) nome no mercado e na preferência dos usuários, extinguindo a antiga marca, que ultimamente vinha recebendo inúmeras críticas pela má qualidade de seus aparelhos (que não vinham com Windows).

Por Felipe Foureaux Freitas

Microsoft Lumia

Foto: Divulgação


Quem tem um aparelho Windows Phone, certamente sabe quem é Cortana. A assistente pessoal da Microsoft, bem parecida com a Siri da Apple, terá em breve sua versão para a China e Reino Unido.

Segundo o perfil do Twitter @ThatMcrosoftGuy, o serviço tão aguardado da plataforma estará disponível em breve. O responsável pelo perfil, que diz ser um funcionário da Microsoft, disse que o usuário nem perceberá a mudança em seu smartphone, visto que ele será totalmente nas nuvens, sem necessidade de downloads ou atualizações.

A mudança é bem promissora, visto que um belo dia você abrirá a busca e Cortana estará lá para lhe auxiliar e pronta para responder suas perguntas.

Atualmente, a assistente pessoal da Microsoft está disponível somente nos Estados Unidos e com suporte ao idioma inglês.

Se você ficou curioso e quer saber mais desse serviço, saiba que você já pode testá-lo, mesmo não estando nos Estados Unidos. Basta ir na loja de seu smartphone e instalar o “Preview for Developers” que nada mais é que um aplicativo, normalmente focado em desenvolvedores, onde você terá acesso em primeira mãos às novidades do sistema.

Aplicativo instalado, basta criar uma conta de desenvolvedor da Nokia e baixar as últimas atualizações. Assim, você perceberá que acaba de ter acesso ao Windows Phone 8.1, com diversos recursos novos, porém, Cortana ainda não está disponível.

Para habilitar a assistente, você deve mudar a região e o idioma de seu aparelho para “Inglês – Estados unidos”. Caso você seja familiar com o idioma norte americano, é capaz até de gostar, pois o seu aparelho fica totalmente em inglês. Assim que for em seus aplicativos notará que Cortana agora está disponível, porém, somente em inglês.

Terá primeiramente uma configuração inicial e depois pode fazer qualquer pergunta que ela tentará responder o melhor possível.

Cortana é exclusiva para aparelhos Windows Phone e não tem data de chegada no Brasil.

Por Felipe Henrique de Souza

Foto: divulgação


Há muito tempo atrás, muito antes dos smartphones invadirem nossas vidas, um programa de computador reinava soberano nas mensagens instantâneas, o ICQ. Os internautas da velha guarda vão se lembrar muito bem desse programa e, se muitos estavam tristes com o fim do Orkut, podem ficar felizes com a volta do aplicativo agora para iOS, Android e Windows Phone.

O app veio para competir diretamente com o WhatsApp, sendo totalmente gratuito e com recursos como chamada em vídeo, conversas em grupo e o envio de imagens e textos.

Um recurso bem interessante do aplicativo é do de poder enviar documentos em PDF e DOC em suas mensagens. Também é possível trocar mensagens com celulares que não possuem o aplicativo instalado, registrando as respostas do destinatário no corpo do programa.

Além da troca de arquivos convencional, a reencarnação do ICQ trouxe um recurso de busca de imagens na internet dentro do próprio aplicativo, sendo assim é possível o envio delas para seus contatos. Essa mesma busca permite a personalização do seu App com as mesmas imagens, deixando-o bem bonito e com a sua cara.

A facilidade e interação são pontos fortes do novo ICQ, as chamadas em vídeo são bem simples, facilitando as coisas para quem use o programa para fins corporativos ou mesmo para o usuário casual. Se você está em uma conversa com uma pessoa e simplesmente adiciona alguém na conversa, pronto, já se torna um bate-papo em grupo. Simples e prático.

O registro é simples, basta informar o seu número e esperar a configuração automática para utilizar o programa.

O novo ICQ pretende agradar as pessoas da velha guarda da internet e também os mais novos. Seus recursos visuais incríveis e personalização são o forte dessa versão. Quem nunca ouviu falar do programa tem um bom motivo para conhecer. Para os mais novos, pergunte aos seus pais o que é ICQ e provavelmente você ouvirá boas histórias.

Baixe o aplicativo nos seguintes LINKS:

– Aplicativo para iPhone: Download;

– Aplicativo para Android: Download;

– Aplicativo para Windows Phone: Download.

Para conferir e baixar versões do ICQ em outros sistemas móveis, clique no LINK e selecione sua versão.

Há também uma versão para Windows 8: Download.

Por Felipe Henrique de Souza

ICQ

Foto: Divulgação


A Copa do Mundo começou e os jogos estão acontecendo simultaneamente em diversos estádios do país, portanto, se você se preparou e quer acompanhar aos jogos de sua seleção, com certeza você vai precisar levantar-se de sua confortável poltrona e desbravar algumas regiões do país que talvez você ainda não conheça – seja você nativo ou estrangeiro. A boa notícia é que se você possui um Windows Phone, essa saga pode ficar mais fácil se você baixar alguns aplicativos que a plataforma disponibiliza para quem vai viajar durante a Copa, mas não deseja ficar perdido, e você pode ainda continuar usando-os mesmo depois do encerramento do mundial.

Se quiser saber um pouco mais sobre estes aplicativos, veja:

Guia Turístico para a Copa do Mundo: Este é um aplicativo indispensável pela sua odisseia na Copa do Mundo. Isso porque se trata de um app fácil de usar e com alto desempenho e funcionalidade. Através de um simples toque na tela do seu smartphone, usando o aplicativo é possível saber informações sobre os principais pontos turísticos das cidades que estarão sediando os jogos e mostra como chegar a cada um deles.

Waze: Esse app é apontado com um dos mais respeitados no que diz respeito a softwares de mapeamento e orientação de tráfego. Com ele você consegue pesquisar sobre um local determinado e receber instruções de como chegar utilizando até mesmo o comando de voz, além de permitir a conferência de possíveis congestionamentos, presença policial, acidentes ou demais perigos na pista.

Bing Tradutor: Se você está no Brasil e não entende bem o português, ou é nativo e precisa se comunicar com os estrangeiros que estão por aqui, seus problemas acabaram. Com o Bing tradutor instalado, basta que você realize consultas sempre que julgar necessário. Ele permite que você traduza informações em placas, cartazes e outdoors tirando fotos dos mesmos. É possível realizar traduções digitando o texto que pretende e também por meio de comando por voz e o melhor, ele permite traduções mesmo no modo offline. 

Por Igor Lima


Esta semana chega com alguns destaques de aplicativos para o Windows Phone. O conhecido dispositivo de VoIP Viber liberou esses dias a chamada para telefones fixos do Brasil e Estados Unidos pelo Viber Out. Outra novidade é o Hello Friends, um aplicativo que não deixa ninguém se desgarrar dos amigos.

Os usuários do Windows Phone 8 já podem comemorar. Agora é possível fazer ligações gratuitas para telefones fixos do Brasil e dos Estados Unidos com o Viber Out. O dispositivo também permite que se telefone de forma gratuita via internet para os contatos que possuem conta no serviço, além de enviar mensagens de texto, imagens e até mesmo criar grupos para bate-papo.

Já o Hello Friends foi criado para aqueles que não conseguem ficar longe dos amigos. É possível colocar fotos dos contatos na tela de bloqueio do smartphone integrado com o Windows Phone. As pessoas podem ser escolhidas e incluídas no aparelho sem deixar ninguém de fora. O dispositivo também permite a mudança de fotos em intervalos de tempo e disponibiliza várias opções de layout, filtros e outros tipos de informações.

A Nokia também não fica de fora ao lançar bons aplicativos. O Car App, aplicativo exclusivo para a linha Lumia, tem o objetivo de deixar o visual do sistema mais no clima do trânsito. O dispositivo mostra informações ligadas ao trânsito com atalhos para acesso rápido. O aplicativo não deixa também que o celular feche e dificulte o uso pelo usuário.

Outra criação que vale a pena ter no Windows Phone 8 é o iTranslate. O dispositivo pode traduzir até 81 idiomas e para usá-lo é fácil, basta digitar o texto que quer traduzir e o aplicativo mostrará vários significados. Até mesmo expressões informais podem ser traduzidas pelo usuário do iTranslate.

As novidades da TV também podem ser baixadas no sistema Windows Phone. O novo programa musical da Rede Globo, o SuperStar, pode ser instalado como aplicativo e o usuário poderá votar na sua banda de música favorita para continuar na disputa do programa. Participando, o usuário também corre o risco de aparecer no telão do programa da TV.

Por Carolina Miranda


A empresa Microsoft nem lançou ainda os novos aplicativos do Windows Phone Store, mas eles já estão disponíveis no sistema operacional. São aplicativos como Maps, Google +, Hangouts e tantos outros. Contudo, todos esses serviços para o programa da Microsoft são falsos. A empresa pretende lançá-los em breve e, os aplicativos lá disponíveis na lojinha do Windows Phone não são de confiança. Desenvolvedores mal intencionados colocaram os aplicativos para serem baixados – e não são de graça, o usuário precisa pagar – mas todos são falsos. Sistemas como Android e iOS já têm os aplicativos, só que a Microsoft ainda vai apresentá-los.

Alguns especialistas em aplicativos colocaram os aplicativos disponíveis com o único objetivo: roubar dinheiro dos usuários desatentos. Tudo é muito parecido com o original. São os mesmos ícones de aplicativos usados para os sistemas Android e iOS, somente o Gmail que difere dessa gama, pois eles usam a imagem do Google Drive. O resto é tudo igual.

Os consumidores que não prestam atenção nos detalhes estão susceptíveis ao engano. Até mesmo as descrições dos aplicativos são semelhantes dos textos feitos pelo Google, até o cuidado de colocar a assinatura do Google eles tiveram.

No entanto, o usuário mais atento a essas situações de risco consegue enxergar pequenos erros. Primeiro que aplicativos ligados ao desenvolvedor Google nunca são cobrados e é provável que continue assim quando a Microsoft lançá-los na sua nova versão operacional do Windows Phone. Os aplicativos falsos cobram US$ 1,99 para o download.

Outro erro quase imperceptível é o nome de quem desenvolve. Os dispositivos falsos vêm com o nome “Google, Inc” o que leva a crer a boa procedência do serviço, contudo, se verificar no aplicativo oficial do Google o nome vai aparecer sem vírgula, será “Google Inc”.

O pior de tudo é que os aplicativos falsos ainda estão disponíveis para download na Windows Phone Store – a loja virtual da Microsoft – e enganando vários usuários. As empresas Google e Microsoft ainda não fizeram nenhuma declaração a respeito do caso. 

Por Carolina Miranda

Apps falsos na WP Store

Foto: Divulgação/Aline Jesus


A empresa Microsoft vai lançar a qualquer momento o seu novo sistema operacional Windows Phone 8.1. Na semana passada, algumas notícias relacionadas ao lançamento do programa e de como ele irá funcionar foram divulgadas. A própria marca tinha publicado uma página exclusiva para falar sobre o Windows Phone 8.1 no site da companhia, contudo ela foi retirada esta semana.

Os usuários da marca esperam que este lançamento seja um dos mais reveladores dos últimos anos. Eles aguardam que a Nokia e Microsoft divulguem novidades principalmente para o hardware dos aparelhos móveis, já que muitos ainda opinam que o sistema atual está abaixo dos sistemas mais conhecidos no mercado. A marca promete dar uma cara nova ao programa que integra os seus celulares e com pretensão de renovar a linha completa dos Lumias sem perder a funcionalidade que o sistema já possui.

A empresa já deu algumas dicas de que o lançamento se aproxima cada vez mais. A Nokia atualizou, por exemplo, o aplicativo Nokia Glance, que inclui um sistema que mostra informações interessantes quando o dispositivo está em modo de espera, com notificações sobre o tempo e outras informações. O usuário pode até personalizar esta opção e configurando de modo que as informações sejam mostradas sem que o uso de energia seja gasto de forma exagerada.

Ao que tudo indica, a marca não quer fazer o lançamento do novo Windows Phone 8.1 agora porque a data do evento em que a Microsoft realiza todo ano está marcado para acontecer entre os dias 2 e 4 de abril deste ano, o que iria ser menos uma novidade para o grande acontecimento. Caso não ocorra nesta data – por questões técnicas – o lançamento acontecerá logo após o evento, aproveitando ainda a atenção que a mídia dará as novidades da companhia.

Para quem se interessou em conhecer o aplicativo Nokia Glance, pode baixá-lo gratuitamente no Windows Phone Store. O tamanho do “programinha” é de 2 MB e já é compatível com o Windows Phone 8 e o futuro WP 8.1.

Por Carolina Miranda

WP 8.1

Foto: Divulgação


O botão “voltar” presente no sistema operacional Windows Phone está dando o que falar, principalmente entre os desenvolvedores de aplicativos para a plataforma. O botão poderá ser extinto nos próximos aparelhos e atualizações do SO. O que deixou alguns usuários insatisfeitos, para não dizer furiosos com a notícia.

Não se sabe se a notícia é verdadeira, contudo é necessário avaliar o quão importante ele pode ser. Há informações rondando na internet que a Microsoft estaria planejando remover não só o botão voltar como outras funções importantes nos sistemas operacionais da empresa. Os próprios botões físicos poderão ser dispensados, tornando-se apenas botões não físicos, cujas funções seriam acionadas na tela, em opções virtuais.

Windows Phone

Foto: Divulgação

Uma das mudanças drásticas em relação ao SO da empresa diz respeito às exigências de hardware. Dessa forma, as fabricantes de celulares tem a liberdade de instalar ou não um botão físico para funções como a câmera, bússola digital e outros. Até o momento só a Huawei abandonou o botão físico da câmera, enquanto as outras marcas parceiras não alteraram a função.

A mudança de atitude da Microsoft pode estar relacionada aos pedidos da empresa para que outras fabricantes utilizassem o seu sistema operacional nos aparelhos. Uma delas foi a HTC, que foi orientada a lançar o One Max tanto com o Android quando o Windows Phone. 

Por Robson Quirino de Moraes


Os donos de smartphones mais antigos como o Lumia 610, 800 e 900 terão que esperar mais um pouco para poder atualizar seus aparelhos para a versão 7.8 do Windows Phone, pois a Microsoft suspendeu a atualização da plataforma. A companhia está trabalhando para poder corrigir os bugs do software e não revelou quando o update estará disponível novamente.

A atualização da plataforma foi liberada oficialmente dia 31 de janeiro de 2013, após muita espera dos consumidores do Windows Phone 7, a versão 7.8 do sistema chegou até a ser liberada para alguns usuários brasileiros, mas não para todos. Os aparelhos que possuíam vinculo com alguma operadora estavam na época estavam na lista dos aparelhos que não receberam a atualização, e agora terão que aguardar ainda mais para poder ter o Windows Phone 7.8.

Segundo um representante da Nokia, os problemas encontrados na plataforma não são de grande importância e nem comprometem a funcionalidade do sistema. Por esse motivo, de acordo com a fonte, muito em breve a atualização será liberada novamente.

A versão 7.8 do Windows Phone foi desenvolvida para os aparelhos que não serão capazes de suportar o Windows Phone 8. Essa versão intermediária deixa os aparelhos com uma interface bem semelhante a do WP8.

Por Felipe Santos Bonfim


Para espanto de muitas pessoas, Lu Qian Hao, executivo de marketing da ZTE, publicou em seu Twitter uma foto (que segue abaixo) na qual aparecem dois novos smartphones, um na cor branca e outro na cor preta, com o “selo” de Windows Phone.

Os dois smartphones ainda não haviam aparecido em nenhum rumor e não tinham sido anunciados pela ZTE. Junto da divulgação da foto, o executivo também divulgou algumas especificações básicas dos dois gadgets: tela com 5.9 polegadas, tecnologia de áudio DTS e resolução Full HD. Ao que parece, o novo smartphone exibido será o top de linha da empresa e, por ter a tela maior que a do Galaxy Note 2, na verdade trata-se de um phoblet.

Até então não há nenhum pronunciamento oficial da empresa sobre os aparelhos, além da divulgação dessa foto. Entretanto, há grandes chances de que se eles saírem do forno serão os novos representantes do Windows Phone 8, ao lado do HTC 8X e do Nokia Lumia 920. O problema é que o selo exibido nos gadgets é do Windows Phone 7 e não do novo Windows Phone 8.

Tendo em vista que o “antigo” WP 7 não suporta tecnologia Full HD, provavelmente os phoblets exibidos sejam ainda protótipos, mas se forem lançados eles serão os primeiros aparelhos com WP 8 a possuírem resolução de 1920 x 1080 pixels.

Por Guilherme Marcon





CONTINUE NAVEGANDO: